AMARANTE

Polícia

Polícia identifica segundo corpo encontrado amarrado na Santa Maria da Codipi

Publicado em

Polícia

segundo corpo encontrado amarrado Santa Maria da Codipi

O segundo corpo que foi encontrado amarrado no matagal da Santa Maria da Codipi, em Teresina, já foi identificado pela Polícia Civil. Trata-se de Édio Ferreira de Sousa, de 39 anos, que era conhecido como ‘Zagueiro’.

O reconhecimento da vítima foi feito pela própria família, que já estava à sua procura desde que soube pela imprensa que dois corpos haviam sido encontrados.

A identificação, segundo o delegado Robert Lavor – do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), foi feito por meio de exame das impressões digitais da vítima.

“O Édio estava desaparecido, mas como era usuário de drogas, às vezes passava dias fora de casa. A família chegou a procurá-lo, mas não registrou o desaparecimento formalmente, esperavam que ele retornasse”, relatou o delegado Robert.

O corpo de Édio Ferreira foi encontrado no mesmo local que o de Alison Cleiton Marcs da Silva, de 24 anos, no início de abril.

O delegado informou ainda que os dois têm perfis semelhantes: ambos usuários de droga e suspeitos por pequenos delitos como furto, ameaça e violência doméstica, e eram moradores do Parque Wall Ferraz, na região da Santa Maria da Codipi.

Leia Também:  Aos 60 anos, morador de rua morre agredido a pauladas no Piauí

Os dois, informou a Polícia Civil, foram mortos com disparos de arma de fogo na cabeça. Peritos acreditam que a morte dos dois teria ocorrido uma semana antes. “Agora estamos investigando até que ponto um tem ligação com o outro”, disse ao G1/PI o delegado.

Além dos dois corpos, outra ossada humana foi encontrada na mesma região. O delegado informou que os restos mortais são investigados em um inquérito diferente, considerando que estavam no local a mais tempo que os dois corpos.

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Polícia

Suspeito de assaltos morre em Teresina com pelo menos três tiros no tórax

Publicados

em

suspeito assaltos tiros

Um homem apontado como suspeito de praticar assaltos foi morto a tiros na noite desse sábado (06) no bairro Planalto Uruguai, zona Leste de Teresina. Ele foi identificado como Carlos Eduardo da Silva Lopes – de 18 anos.

O suspeito, segundo informações, foi perseguido e alvejado após praticar novo assalto nas imediações. Pelo menos, três disparos atingiram o tórax de Carlos Eduardo.

Ao lado do corpo estavam uma arma de fabricação artesanal e um capacete. O 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM) atendeu a ocorrência. Militares isolaram o local para realização da perícia.

O Instituto de Medicina Legal (IML) fez a remoção do corpo. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

Com informações do Meio Norte

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Aos 60 anos, morador de rua morre agredido a pauladas no Piauí
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA