AMARANTE

Brasil

Mãe é suspeita de usar cigarro para queimar perna do filho de 6 meses em GO

Publicado em

Brasil

A Polícia Civil investiga um caso em que uma mulher é suspeita de queimar com cigarro o próprio filho de seis meses em Rio Verde, em Goiás.

O delegado Adelson Candeo disse que o intuito é descobrir se a queimadura foi provocada intencionalmente ou não. O nome da mulher não foi divulgado.

A lesão na pele do bebê foi descoberta depois que a mãe da criança acionou a polícia por outro motivo: denunciar que o pai da criança a tinha levado embora de casa sem o consentimento dela. Ao localizar o bebê, a equipe notou os sinais de maus tratos.

Os pais do bebê, segundo a polícia, são usuários de drogas. Os dois foram levados à delegacia para prestarem esclarecimentos na sexta-feira (09).

Em depoimento, o pai da criança disse que a mulher havia queimado o filho com cigarro. A suspeita disse que estava fumando quando uma brasa do cigarro caiu no momento em que ela colocou a criança no chão para dormir.

O bebê foi submetido a exames. O médico legista constatou que a lesão foi provocada por contato com pressão, ou seja, por aperto de um objeto quente sobre a perna do menino. A mãe não foi detida porque a lesão não era atual e não houve uma situação de flagrante contra ela.

Leia Também:  Mortes por AVC diminuem 32% no Brasil em dez anos

“A prisão não foi feita porque a queimadura foi feita seis dias antes da apresentação à polícia. A queimadura foi no sábado anterior”, explicou Candeo ao G1.

O bebê e uma irmã de 03 anos foram encaminhados ao Conselho Tutelar, ambos foram levados a um Centro de Acolhimento ao Menor. O delegado disse que ela vai responder em liberdade.

“A mãe deve responder por lesão corporal, pelos maus-tratos e por outros crimes que porventura tenha praticado, especialmente contra essa criança e, se inocentada, se verificado que não existe nenhum crime a ser imputado contra ela, ela deve voltar a ter guarda das suas respectivas crianças”, finalizou.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Brasil

Jovem estudante ganha bolsa de estudos para universidade na Espanha, mas teme não realizar o sonho

Publicados

em

O jovem estudante José Andersson Braga de Abreu, natural de São João do Rio do Peixe, no Sertão da Paraíba, ganhou uma bolsa de estudos para cursar Engenharia Civil na Universidade de Jaén, na Espanha.

Ele conquistou a primeira colocação na seleção do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif). Eram apenas duas vagas para todo o Brasil.

“Sinceramente quando eu soube do resultado fiquei sem reação, pois não acreditei que seria capaz de ser selecionado, já que estava concorrendo com excelentes alunos da rede federal de ensino, cada um com incríveis capacidades. Mas quando […] a ficha caiu, fiquei extremamente feliz”, contou ao g1.

Para José Andersson, o desafio agora é se adaptar a uma nova cultura, que é totalmente diferente da sua no Nordeste do Brasil. Segundo ele, a “oportunidade de crescimento”, é tão grande que lhe fez diminuir o medo.

Outro desafio para ele é a condição financeira de chegar até a Espanha. Segundo ele, a bolsa que ganhou paga as mensalidades do curso, o seguro saúde e um curso de espanhol. Ele terá ainda um auxílio de 2.200 euros, que será destinado ao alojamento durante o ano, o que equivale a um valor mensal de 180 euros.

Leia Também:  PCC prepara ataques e fala em "Copa do Mundo do terror"; PM entra em alerta

Em meio às despesas do estudante, ele ainda vai precisar de passaporte, visto e passagens aéreas, um custo aproximado de R$ 6 mil, despesas que a família não tem como custear.

Os amigos de José Andersson fizeram uma vaquinha na internet, mas os resultados não foram satisfatórios. Por causa dessa dificuldade, ele não sabe se vai conseguir realizar o sonho de estudar em outro país.

Atualmente ele está cursando Engenharia Civil no campus do Instituto Federal da Paraíba (IFPB), no município de Cajazeiras, na região do Sertão. Na mesma instituição, o jovem fez o Curso Técnico em Edificações integrado ao Ensino Médio.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA