AMARANTE

Talento comprovado

Aos 13 anos, piauiense de Teresina encanta jurados no The Voice Kids, da TV Globo

Publicado em

ENTRETENIMENTO

Aos 13 anos, a teresinense Isa Luz encantou os jurados na tarde desse domingo (20) durante a terceira rodada do The Voice Kids, exibido pela TV Globo.

A música escolhida por ela para a sua audição às cegas foi ‘Tiro ao Álvaro’, de Adoniran Barbosa. Logo no início, os jurados Carlinhos Brown, Gaby Amarantos e Michel Teló viraram suas cadeiras por se sentirem conquistados pela voz da piauiense Isa Luz.

A cantora Gaby Amarantos disse que ficou surpresa com tamanho talento e, principalmente, com o timbre da piauiense. “Quando ouvi você cantar a primeira sílaba, que ouvi o seu timbre, fiquei ‘que voz é essa?!’. Isso é tão lindo, tão precioso, tão autêntico”, comentou Gaby.

A talentosa Isa Luz disse em seus perfis sociais que vai seguir adiante, buscando oferecer o seu melhor a Teresina e ao Piauí. “Pra chegar até aqui, foi muito difícil, mas ainda sim eu segui em frente, e não desisti, porque meu dom de cantar me inspira a viver, e nunca desistir dos meus sonhos. E podem ter uma certeza: eu vou dar o meu melhor…pela minha Teresina, pelo meu Piauí”, disse.

Leia Também:  BBB14 já tem primeiro paredão, e é triplo: Diego, João ou Valter

O time de Carlinhos Brown foi escolhido por ela para a próxima fase do The Voice.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ENTRETENIMENTO

Plataformas de streaming audiovisual e setor de jogos dominam o entretenimento

Publicados

em

Ano após ano, a indústria do entretenimento online tem surpreendido o mercado com novidades tecnológicas surpreendentes e crescendo em uma velocidade impressionante. No cenário brasileiro, dentre os concorridos setores do entretenimento online, as plataformas de streaming audiovisual e de jogos tomaram conta do mercado nacional.

Não por acaso, ambos são o combustível da indústria do entretenimento online brasileiro, movimentando dezenas de bilhões de reais anuais e abrindo novos caminhos para o país se desenvolver tecnologicamente.

Streaming audiovisual é um fenômeno de audiência no Brasil

Um dos principais consumidores de entretenimento no mundo, os brasileiros nunca estiveram tão engajados com as plataformas de streaming como estão no contexto atual. Segundo a Kantar IBOPE Media, líder global em inteligência de mídia, 99% dos internautas do país assistiram a vídeos online em plataforma de streaming no ano passado, um recorde para o setor nacional.

No consumo de plataformas de gratuitas em 2020, o Brasil também se destacou. O levantamento da Kantar Ibope Media apontou que 80% dos brasileiros com acesso à internet consumiram conteúdo em canais gratuitos de streaming, 15% a mais que a média global.

No mercado de streaming pago, três serviços se destacam a nível de assinantes no país: Globoplay, Prime Vídeo e Netflix. Juntas, as três plataformas de streaming faturaram R$ 14 bilhões em 2020. Para efeito de comparação as cinco principais emissoras brasileiras de TV aberta (Globo, Record, SBT, Band e RedeTV!) combinaram, juntas, para um faturamento de R$ 13,8 bilhões no mesmo período.

Quando o assunto são número de assinantes o Globoplay é líder com 20 milhões de assinaturas ativas, de acordo com a Fundação Getúlio Vargas. A Netflix, por sua vez, liderou o mercado nos últimos e agora é a 2ª colocada — tem 17 milhões de assinantes no país.

Plataformas de streaming audiovisual e setor de jogos dominam o entretenimento

Photo by Pixabay >>> Pixabay license

Ambas as empresas são líderes por diversos fatores de mercado, com cada uma oferecendo ótimas opções de entretenimento. Enquanto a Globoplay se destaca por ter um acervo com vasta opções de produções nacionais da TV Globo, como novelas e seriados, a Netflix oferece um catálogo rico de produções originais e entrega ao cliente um servidor com a melhor qualidade de imagem.

Setor de jogos em alta no país

Leia Também:  BBB14 já tem primeiro paredão, e é triplo: Diego, João ou Valter

Desde a década de 1990, com o boom dos games no mundo, o Brasil é um mercado atrativo para as empresas do segmento. Porém, com a expansão dos recursos tecnológicos e consequente popularização da internet, o país elevou ainda mais a sua significância para a indústria de jogos — em diversas frentes.

Além disso, é inegável que a qualidade e praticidade dos serviços oferecidos pelas principais plataformas de jogos que atuam no país contribuem para o sucesso da indústria de games como um todo. Muitas delas têm as suas próprias tecnologias e são otimizadas para operar em tempo real com milhares jogadores nos servidores simultaneamente.

Se na área do streaming audiovisual destacamos que a Netflix impressiona pela alta qualidade de seu servidor, no setor de jogos online podemos tomar como exemplo o PokerStars Casino, que tem como um de seus principais carros-chefe na plataforma o “Free Spin”, uma variante de jogos de slots que funciona dentro de um sistema de operação instantâneo e eficaz.

Também vale destacar a importância entrada dos jogos em nuvem no mercado online, como a exemplo do Xbox Cloud Gaming, da Microsoft. Novo método de jogar videogames utilizando servidores remotos em centros de dados, nessa plataforma os jogadores não precisam de comprar consoles e computadores de alto custo financeiro para rodar os jogos.

Em vez disso, os serviços de streaming exigem uma conexão rápida e confiável com a Internet para enviar informações de jogos a um aplicativo ou navegador instalado no dispositivo destinatário. O game é renderizado e jogado no servidor remoto, com o usuário jogando em tempo real no seu dispositivo local, seja ele smartphone, laptop, PC e outros mais.

O fato é que a praticidade da indústria de jogos tem contribuído para o alto número de jogadores no país. De acordo com uma recente pesquisa organizada pela Brasil Game Show (BGS), em parceria com o instituto de pesquisa Datafolha, o Brasil conta com mais de 67 milhões de gamers na cena contemporânea.

Se levarmos em consideração que o país tem 212 milhões de habitantes (dados fornecidos pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o número de gamers em solo brasileiro representa 31% da população.

Indústria de jogos no Brasil deverá bater recorde de valor arrecadado em 2021

Photo by Pixabay >>> Pixabay license

Com um número de jogadores tão expressivo na cena gamer e 152 milhões de brasileiros com acesso à internet, o mercado nacional de jogos online vem batendo recordes anuais de faturamento e se destacando como o maior da América Latina nos últimos anos.

A empresa de consultoria Newzoo, que hoje é considerada e fonte mais confiável do mundo para análise do setor de jogos, apontou no início deste ano que o mercado nacional de games deverá atingir as inéditas cifras de R$ 12,3 bilhões de reais até o fim de 2021 — 5,5% a mais que no ano passado.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA