AMARANTE

Nova Cepa

Brasil vai fechar as fronteiras aéreas para seis países por causa da variante Ômicron

Publicado em

Brasil

O Brasil vai fechar as fronteiras aéreas para seis países da África em razão da nova variante ‘Ômicron’ – do coronavírus, que foi detectada esta semana. A informação foi dada nessa sexta-feira pelo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira.

A nova cepa representa um desafio para cientistas, que ainda não sabem se possíveis mudanças da variante podem ser mais transmissíveis ou mortais. Por enquanto, descobrir se ela poderá provocar um impacto na saúde pública pode levar algum tempo.

A cepa foi detectada nos últimos dias na África do Sul, chamando a atenção de cientistas e de todo o mundo em razão da sua quantidade e da variedade de mutações, sendo que algumas delas são consideradas inéditas.

A variante Ômicron está se espalhando com rapidez pelo país africano. Ela caminha para, em duas semanas, se tornar dominante, pouco depois de uma forte onda provocada pela cepa Delta no país.

Na noite de ontem, o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira, fez o anúncio de que o país vai fechar as fronteiras com seis países da África, a partir da próxima segunda-feira.

Leia Também:  Fiocruz alerta que SRAG pode ter parado de cair em sete capitais

“O Brasil fechará as fronteiras aéreas para seis países da África em virtude da nova variante do coronavírus. Vamos resguardar os brasileiros essa nova fase da pandemia naquele país. A portaria será publicada amanhã e deverá vigorar a partir de segunda-feira”, disse o ministro.

Segundo ele, a decisão tem a participação dos ministérios de Infraestrutura, Saúde e Justiça. A decisão vai atingir os passageiros oriundos da África do Sul, Botsuana, Eswatini, Lesoto, Namíbia e Zimbábue.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Brasil

Grave acidente entre dois veículos deixa quatro mortos no Sul da Bahia

Publicados

em

Um grave acidente envolvendo dois carros, ocorrido na BR-367 em Porto Seguro, região Sul da Bahia, deixou quatro mortos na tarde dessa sexta-feira. Três das vítimas eram da mesma família. Uma pessoa ficou ferida.

A causa do acidente, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), ainda é desconhecida, pois a ocorrência foi registrada no centro da pista.

Um dos automóveis seguia sentido Eunápolis com apenas o motorista. Alan Kardec Silva Santos, de 42 anos, morreu ainda no local.

O outro veículo tinha como destino o município de Porto Seguro com quatro pessoas de uma mesma família. O motorista foi identificado como Carlos Antonio Alves Pereira, de 62 anos. Ele chegou a ser socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas morreu ainda na ambulância que o socorreu.

A esposa dele morreu ainda no local do acidente. Ela foi identificada como Josefa Henrique Pereira – de 59 anos, assim como a quarta vítima, Dionildes Maria Alves Pereira Santana, de 62 anos. Não há informações ainda sobre o grau de parentesco dela com os demais. O homem ferido foi identificado como Francisco José de Santana.

Leia Também:  Mãe oferece serviços de faxina em troca de comida para a filha; "Ela pediu leite e eu não tinha pra dar"

Ele também foi socorrido pelo Samu, e acabou levado para o Hospital Regional Deputado Luís Eduardo Magalhães, que fica em Porto Seguro. Neste sábado, Francisco José segue internado e não há detalhes sobre o estado de saúde dele.

O resgate dos corpos das vítimas foi feito pelo Corpo de Bombeiros, porque as vítimas ficaram pressas às ferragens. O casal Carlos Antônio e Josefa foi velado no Cemitério do Campo Santo em Eunápolis, segundo a família. Ainda não há informações sobre o sepultamento das outras duas vítimas mortas.

Grave acidente entre dois veículos deixa quatro mortos no Sul da Bahia

Grave acidente entre dois veículos deixa quatro mortos no Sul da Bahia

Com informações do g1

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA