AMARANTE

PIAUÍ

Família aguarda laudo conclusivo do IML sobre morte de detento em Floriano

Avatar

Publicado em

PIAUÍ

dentento encontrado morto

Detento encontrado morto – O corpo de um detento encontrado na penitenciária Vereda Grande, em Floriano, neste domingo está intrigando a família.
A investigação busca descobrir se Edson de Amadeu Silva (32) morreu por envenenamento ou de forma natural.
O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), em Teresina. Segundo a família, o detento não tinha problemas de saúde. Já o diretor da penitenciária, Delfran de Sousa, disse ao Cidade Verde que há duas semanas o detento estava em observação por problemas depressivos.
Edson Silva era eletricista e, segundo a irmã e dona de casa, Edilene Silva, estava preso há 1 ano e 6 meses na penitenciária de Segurança Máxima, Em Floriano, sob acusação de tráfico de drogas.
Ela afirmou ao jornal Meio Norte que o irmão foi levado imediatamente para o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano.

As suspeitas da família do detento encontrado morto

“O médico disse que ele estava salivando como se tivesse tomado algum medicamento”, afirmou a irmã. A família está aguardando o resultado do laudo do IML.
Detento encontrado morto
Edição e postagem: Denison Duarte
Com informações do Jornal Meio Norte Online e Cidade Verde

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Família procura garota de 14 anos que está desaparecida
Avatar

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

PIAUÍ

Piauí dá início à vacinação das Pessoas com Deficiência Permanentes

Avatar

Publicados

em


Neste sábado (0) o Piauí deu início à vacinação contra a covid-19 das Pessoas com Deficiência permanentes. Na capital, no posto de drive thru do Teresina Shopping, a deputada federal Rejane Dias e o superintendente de Atenção Primária a Saúde e Municípios da Sesapi, Herlon Guimarães, acompanharam presencialmente a vacinação.

No Piauí, o público alvo foi ampliado. Neste sábado podem receber a vacina pessoas com deficiência permanente (58 e 59 anos), pessoas com transtorno do espectro do autismo (a partir de 18 anos), pessoas com Síndrome de Down (a partir de 18 anos) e pessoas com paralisia cerebral (a partir dos 18 anos).

“É uma importante conquista. O Ministério da Saúde reconheceu a necessidade da inclusão de pessoas com Síndrome de Down, autismo e paralisia cerebral por conta da sua vulnerabilidade. É um momento de alegria, estou presenciando a felicidade dos pais de verem os seus filhos recebendo a vacina e realmente é algo que nos emociona. Grande dia”, disse a deputada Rejane Dias.

Hérlon Guimarães explica que o Estado não seguiu o critério das pessoas que possuem o Cadastro de Prestação Continuada, estabelecido no Plano Nacional de Imunização. “Nós fizemos um instrutivo para que os 224 municípios do Piauí incluíssem no critério de prioridade as pessoas com autismo, Síndrome de Down e paralisia cerebral. Nós saímos na frente para que o maior número de pessoas com deficiência sejam imunizadas, portanto, é um dia importante para o nosso Estado”, afirmou o superintendente.

Leia Também:  Piauiense morre esmagado por trator no estado de Roraima durante tentativa de ultrapassagem

Para Maria do Socorro, mãe da Patrícia Oliveira, que possui Síndrome de Down, hoje é um dia de comemoração. “As pessoas com Síndrome de Down têm facilidade em contrair doenças pulmonares, então ficamos muito preocupados. Ela não sai de casa e não frequenta aulas presenciais, o que causa o seu estresse. Estávamos muito ansiosos pela vacina e finalmente esse dia chegou. É um alívio, vamos comemorar muito, mas continuaremos mantendo as medidas necessárias até o fim da pandemia”, pontuou.

Além das PCDs, as pessoas com comorbidades (18 a 59 anos), e gestantes e puérperas com comorbidades (a partir dos 18 anos) também se vacinam hoje. A vacina utilizada é a Covishield, do laboratório Astrazeneca, produzida em parceria com a Universidade de Oxford e a Fiocruz.

Vacinação de pessoas com deficiência
Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA