AMARANTE

setor atacadista

Vantagens de comprar lingerie no atacado

Publicado em

Mulher

O mercado de atacado está cada vez mais em alta no Brasil. O setor atacadista e distribuidor brasileiro registrou o aumento nominal de 5,2% em 2020, segundo a Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (Abad). Entre os nichos que se beneficiam desse crescimento está o mercado de moda íntima.

As peças de moda íntima são indispensáveis no dia a dia da mulher, por esse motivo, o mercado movimenta, de modo geral, cerca de R$ 3,6 bilhões anualmente, de acordo com dados do Instituto de Estudos e Marketing Industrial (IEMI). Seja para quem está começando no setor agora ou para os empreendedores mais experientes, apostar em lingerie no atacado pode trazer inúmeras vantagens.

Vantagens de compra no atacado

Quando decide pelo atacado em vez do varejo para manter o estoque atualizado, o lojista de moda íntima pode encontrar diferentes vantagens para o seu negócio. Na busca de um fornecedor de lingerie para revenda, é possível obter produtos de qualidade, com preços mais acessíveis, ampla variedade nas modelagens e com diferentes tamanhos disponíveis.

Compra on-line

Se antes era necessário ir de loja em loja para encontrar as peças para atualizar o estoque, hoje as aquisições podem ser feitas de forma on-line. Para garantir mais confiança nas compras na internet, basta fazer a lição de casa e usar a tecnologia para buscar fornecedores com boas recomendações.

Leia Também:  Dores na pandemia: além de costas e braços, joelhos também sofrem com sedentarismo

Com o auxílio da internet, é possível encontrar um fornecedor de confiança, comparar os preços, achar produtos diferenciados dos concorrentes e realizar uma compra sem precisar sair de casa. Algumas empresas de atacado oferecem atendimento para sanar dúvidas pelo site ou via Whatsapp.

Outra vantagem é que, diferente das físicas, as lojas on-line atuam com sistema de compras 24 horas por dia. Ou seja, é possível adquirir no melhor momento do seu dia, sem se preocupar com o horário comercial.

Maior lucratividade

Uma das principais vantagens de quem opta por compras no atacado é o preço do produto. Ao comprar as lingeries diretamente do fornecedor, os custos acabam ficando mais baixos do que em uma negociação no varejo, por exemplo.

Algumas lojas de atacado fornecem produtos por preço de fábrica para quem compra grandes quantidades. Dessa forma, é possível atualizar o estoque e ainda obter margem de lucro maior, facilitando a expansão do negócio.

Acesso a tendências

Outro ponto positivo é a possibilidade de ter acesso em primeira mão às tendências do mercado de moda íntima. Essa vantagem pode ajudar a manter a loja atualizada e dentro das novidades para oferecer aos clientes.

Leia Também:  Compliance: pilar de diversidade e inclusão quer promover revolução no mercado

Dessa forma, é possível se antecipar e planejar uma nova coleção e ainda criar possíveis promoções que chamem a atenção dos clientes e façam a loja sair na frente dos concorrentes que ainda não tiveram acesso às novas tendências do setor.

Estoque versátil

Oferecer produtos com diferentes modelagens, promovendo diversidade nos tamanhos, é um dos pontos importantes para uma loja de moda íntima. Por esse motivo, optar pela compra de lingeries em redes atacadistas pode favorecer esse quesito.

Fornecedores de atacado, além de possuírem uma ampla variedade quanto a modelos de peças íntimas, também dispõem de diferentes numerações. Sendo assim, é possível manter um estoque cada vez mais diverso e que agrade diferentes clientes.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mulher

É possível amar novamente depois de um caso?

Publicados

em

É possível amar novamente depois de um caso? É possível recuperar a confiança depois que seu parceiro foi infiel?

A perda do relacionamento que você imaginou pode causar intensa raiva, ciúme e tristeza, e também levanta muitas questões. Você deveria ficar? As coisas serão sempre as mesmas?

Embora recuperar a confiança ofereça desafios extremos para ambos os parceiros, há motivos para ter esperança.

Com o tempo, o parceiro infiel deve estar disposto a colocar o relacionamento em primeiro lugar e demonstrar confiabilidade por meio de suas palavras e ações. Em The Science of Trust, o Dr. John Gottman postula que a confiança é uma ação e não uma crença – mais sobre o que o seu parceiro faz do que o que eles dizem.

Se você é uma mulher que foi traída, ou uma mulher presa num relacionamento sem amor, e que tem vontade de explorar outras coisas no mundo afora, não pense que o mundo não tem outras soluções melhores para você. É bem comum mulheres se envolverem com homens mais velhos, após vivenciar várias desilusões amorosas, por que não?

Muitos dos homens ou mulheres que se envolvem em relações extraconjugais, invadindo, por assim dizer, o relacionamento de outras pessoas, o fazer por uma questão financeira: “eu não acho certo e não gostaria que fosse comigo, mas não posso abrir mão do relacionamento sugar “, esse é um pensamento muito comum.

Leia Também:  Candy color, neon e metalizado: cores do verão no hemisfério Norte

Abaixo estão três perguntas para ajudá-lo a decidir se deve terminar seu relacionamento após um caso:

1. Você gostaria de se comprometer com seu parceiro se confiasse neles novamente?

Em outras palavras, você tem admiração e respeito suficientes para salvar o relacionamento? Seja honesto e pergunte a si mesmo: ainda nos divertimos juntos e desfrutamos da companhia um do outro na maioria das vezes?

O que você deve fazer se confrontado com a infidelidade?

2. Você deixou de lado sua raiva e ressentimento com a traição de seu parceiro e consegue seguir em frente?

Você pode imaginar-se sentindo feliz em seu relacionamento ou desejando ser íntimo ou íntimo com seu parceiro, apesar de suas ações?

3. Você pode perdoar seu parceiro por suas ações?

Isso não significa perdoar suas ações, mas simplesmente não as deixar ter poder sobre você. Pesquisas sugerem que a disposição de perdoar pode ajudar a curar problemas conjugais, grandes e pequenos. De fato, os terapeutas conjugais descobriram que o perdão é um ingrediente essencial para curar a infidelidade e contribui para um casamento duradouro e bem-sucedido.

Se sua resposta a uma ou mais dessas perguntas for “não” e você achar que é hora de dar o próximo passo, você deve dizer a seu parceiro que deseja um divórcio. No final do dia, você é a única pessoa que sabe se o seu casamento pode sobreviver à infidelidade.

Se você decidir ficar com seu parceiro, seja otimista. Nem todos os relacionamentos podem ser salvos após a infidelidade, mas em O que faz o amor durar?

Leia Também:  Compliance: pilar de diversidade e inclusão quer promover revolução no mercado

Aos trinta e poucos anos, Shawn entrou em contato comigo após seis meses de terapia individual e de casais com sua esposa, Vanessa, que o traiu por ter um caso com um colega de trabalho. Embora Vanessa inicialmente tenha negado cometer adultério, ela finalmente admitiu quando Shawn trouxe cópias de e-mails com detalhes gráficos de suas atividades sexuais com seu amante para as sessões de terapia.

Em Aqui está o que leva alguém a deixar um parceiro infiel, a terapeuta Amber Madison diz que as pessoas tendem a categorizar a traição de duas maneiras: seja como um erro horrível que seu parceiro não repita ou como um hábito que eles terão que tolerar se decida permanecer no relacionamento. Ela aconselha as pessoas a determinar se trair foi um erro ou parte de um padrão e a avaliar a qualidade do relacionamento fora da infidelidade.

No caso de Shawn, ele acreditava que o comportamento infiel e desleal de Vanessa, embora extremamente prejudicial, não significava que o casamento de oito anos tivesse que terminar. Ele ainda a amava e estava disposto a estender a confiança porque acreditava que ela não cometeria o mesmo erro novamente. Mais importante, ele soltou sua raiva e ressentimento e estava pronto para perdoá-la.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA