Menu...

Última Notícia

15 de dezembro de 2017

TRE-PI cassa prefeito de Miguel Leão e seu vice e condena o gestor a oito anos de inelegibilidade


Hospital de Olhos

O prefeito de Miguel Leão, Joel de Lima (PSD), e o vice-prefeito, Jailson de Sousa (PT), foram cassados nesta segunda-feira (13) pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que determinou a realização de novas eleições no município ainda sem data prevista.

O gestor, que concorreu à reeleição, foi acusado de prática de abuso de poder político e econômico, além de participação de inaugurações em período vedado. Segundo o TRE, trata-se do primeiro prefeito eleito cassado após as eleições de 2016.

Joel de Lima participou de duas inaugurações, a de um estádio de futebol (Altamirão) e de um centro para idosos.

De acordo com o Cidade Verde, no período das eleições, “ele teve o seu registro de candidatura cassado pelo juiz da Zona Eleitoral de Monsenhor Gil, mesmo assim continuando com a candidatura”. Eleito com 53,52% dos votos válidos, o gestor foi diplomado e empossado no dia 1º de janeiro.

A decisão do TRE cassou prefeito e vice por quatro votos a dois. O gestor cassado foi ainda condenado a oito anos de inelegibilidade, a contar a partir das eleições municipais de 2016.

Com informações do Cidade Verde

 


Tags:

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE