AMARANTE

Política

PF investigará se advogado de Genoino cometeu crime contra Barbosa

Publicado em

Política

A Polícia Federal confirmou nesta terça-feira que abriu inquérito para investigar se o advogado Luiz Fernando Pacheco, que atua na defesa do ex-presidente do PT José Genoino no processo do mensalão, cometeu os crimes de desacato, calúnia, injúria e difamação contra o ministro Joaquim Barbosa, do Supremo Tribunal Federal (STF).
No mês passado, Pacheco foi expulso do plenário após bater boca com Barbosa e exigir que um recurso em favor de Genoino fosse pautado para análise no plenário da Corte. O advogado foi retirado do tribunal por seguranças e, de fora do plenário, afirmou, segundo depoimento de funcionários do STF, que “se tivesse uma arma, daria um tiro na cara do presidente [do STF]”. Segundo relatos à Secretaria de Segurança do Supremo, Pacheco estava “visivelmente embriagado” quando, da tribuna do STF, pediu que a Corte julgasse o pedido de prisão domiciliar do mensaleiro.
O pedido de abertura de investigação foi feito no dia 17 junho pela procuradora da República Ana Paula Coutinho, após Joaquim Barbosa ter protocolado representação na Procuradoria da República do Distrito Federal contra o advogado.
Renúncia – Após o episódio envolvendo Luiz Fernando Pacheco, o ministro Joaquim Barbosa anunciou que deixaria a relatoria do mensalão e o acompanhamento da execução das penas dos condenados. Ao comunicar sua decisão, o ministro criticou a conduta de defensores dos mensaleiros e disse que vários advogados que atuam no caso “deixaram de se valer de argumentos jurídicos destinados a produzir efeitos nos autos e passaram a atuar politicamente na esfera pública através de manifestos e até mesmo partindo para os insultos pessoais”. Barbosa participou de sua última sessão plenária no STF nesta terça-feira.
Fonte: VEJA.com.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Deputado Federal Rubens Pereira Jr é recebido por lideranças políticas em Timon

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Política

Conta do deputado Francisco Costa sofre segundo ataque no Instagram em uma semana

Publicados

em

conta instagram francisco costa

A conta do deputado Francisco Costa no Instagram foi invadida na manhã desta segunda-feira (01/08). A rede social foi notificada e o parlamentar fez um boletim de ocorrência na Delegacia de Crimes Virtuais, que vai investigar o caso para identificar e responsabilizar os autores da invasão.

Este é o segundo ataque em uma semana. Na primeira vez, foi uma invasão de robôs, também notificada ao Instagram. O perfil do deputado Francisco é autenticado, tem a verificação de dois fatores e todos os procedimentos de segurança recomendados, o que não evitou a invasão.

O deputado emitiu nota, informando que não tem qualquer controle sobre postagens e que as pessoas devem desconsiderar qualquer atualização feita a partir de hoje até a recuperação da conta.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Deputado Federal Rubens Pereira Jr é recebido por lideranças políticas em Timon
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA