Ex-prefeito do PI é afastado do partido após admitir em convenção que roubou quando era gestor

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook

O presidente do PTB, João Vicente Claudino, afastou do PSB o ex-prefeito de Cocal, José Maria Monção, que confessou durante convenção realizada no último domingo (06) que roubava quando era prefeito.

Um vídeo da declaração viralizou e chocou internautas em todo o Piauí. Ele comparou a sua gestão com a do atual prefeito ao dizer que “não roubo tanto quanto” Rubens Vieira (PSDB).

Segundo João Vicente Claudino, com as declarações, o ex-prefeito se torna réu confesso e que o mesmo teria agido como se estivesse em um campeonato de desvio de dinheiro público.

810de0ef 496e 43b9 8b16 b5fc058adaec cd640f00 7eac 4118 abfb a1856539b0f2 Ex-prefeito do PI é afastado do partido após admitir em convenção que roubou quando era gestor

“Ele se tornou um réu confesso, se não fez isso em juízo, fez em público. Não estou surpreendido pelas declarações, ele sempre teve esse estilo jocoso, debochado, mas fui pego de surpresa por ele ainda estar filiado. Quando soube das declarações, pedi para verificarem, comuniquei ao partido, e por meio de uma comissão provisória, tomamos a decisão da expulsão de imediato, no primeiro dia útil após a declaração, terça-feira. O que ele fez foi como se estivesse em um campeonato de desvio de dinheiro público, querendo saber quem roubou mais”, falou João Vicente Claudino.

João Vicente Claudino afirmou  que a declaração do ex-prefeito José Maria Monção de que teria roubado para dar ao povo não se justifica.

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist