AMARANTE

Morte no local

Empresário do Maranhão morre em colisão entre motos no Pará

Avatar

Publicado em

MARANHÃO

O empresário maranhense, Roneilson Miranda, também conhecido como Ronny Bala, morreu em um grave acidente ocorrido na tarde desse domingo (02) no município de Dom Eliseu, a 450 km de Belém do Pará.

Ele conduzia uma moto, que veio a colidir frontalmente contra a de outro competidor, que foi identificado apenas como Magno. O competidor teve ferimentos graves.

O maranhense teve morte no local. O outro competidor foi encaminhado para atendimento médico.

Roneilson Miranda era natural de Itinga-MA, que fica a 621 km de São Luís, onde atuava no ramo de veículos automotores e martelinho de ouro.

A esposa do motociclista, Beatriz Souza, disse que Roneilson Miranda será velado em Itinga, onde moram os pais dele. O enterro do empresário está previsto para as 17h desta segunda-feira(03).

Com informações do Imirante

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Acidente em rodovia do Maranhão deixa três mortos: pai, mãe e filha
Propaganda

MARANHÃO

Operação Finita Servus investiga trabalho escravo no Maranhão e cumpre mandados

Avatar

Publicados

em

O tráfico de pessoas em situação análoga à escravidão virou alvo de uma operação da Polícia Federal no Maranhão. Pelo menos cinco mandados de busca e apreensão já foram cumpridos na operação, que foi batizada de “Finita Servus”, sendo dois em Santa Inês, um no Centro Novo do Maranhão, além de dois em São Joaquim-SC.

A Polícia Federal informou que trabalhadores são aliciados, por meio de fraude e abuso da condição de vulnerabilidade das vítimas, que recebem promessas de trabalho, alojamento e também alimentação e são levados para o estado de Santa Catarina, tudo pago pela empresa contratante.

As vítimas somente descobrem que foram enganadas quando chegam no destino, onde passam a morar em alojamentos sem condições mínimas de viver com dignidade, além de terem parte do salário e documentos retidos pelos empregadores com a justificativa de pagamento pelas despesas do período.

Os investigados podem responder por crimes de reduzir alguém à condição análoga à de escravo e de tráfico de pessoas. As penas somadas podem alcançar 16 anos de reclusão e multa.

Leia Também:  Enfermeiro de Floriano morre em grave acidente de moto em BR do Piauí

Segundo a Divisão de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo (Detrae), 20% dos trabalhadores resgatados em situação análoga à escravidão no país são naturais do Maranhão.

Operação Finita Servus

A operação foi denominada Finita Servus, termo oriundo do Latim utilizado no Império Romano indicando o fim da escravidão.

 

Com informações do G1

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA