Em Teresina, Procon autua postos de combustíveis por subir preços antes do aumento da Petrobras

Em Teresina, Procon autua postos de combustíveis por subir preços antes do aumento da Petrobras

Teresina

A fiscalização do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor do Ministério Público do Piauí (Procon/MPPI) flagrou dois postos em Teresina nesta terça-feira (9) por aumentarem o preço dos combustíveis antes de serem atingidos pelo reajuste anunciado pela Petrobras.

Fiscalização dos Postos de Combustíveis em Teresina

O Ministério Público do Piauí, por meio do Procon, conduziu uma operação de fiscalização que resultou na autuação de dois postos de combustíveis na capital, Teresina. A ação ocorreu logo após o anúncio da Petrobras sobre o aumento nos preços da gasolina e do gás de cozinha para as distribuidoras, que entrou em vigor nesta terça-feira (9).

Durante a fiscalização, foram inspecionados 22 postos em diferentes zonas da cidade. Os fiscais analisaram as notas fiscais das compras recentes dos postos para verificar se os combustíveis adquiridos já estavam com o valor reajustado. Nos casos em que os postos aumentaram os preços sem ter recebido os combustíveis ao novo custo, as autuações foram aplicadas por prática abusiva visando aumentar o lucro.

Autuação e punições

Os postos autuados têm um prazo de 15 dias para apresentar sua defesa ao Procon e tentar reverter as punições impostas. Até que a situação seja resolvida, os nomes e endereços dos estabelecimentos não foram divulgados, preservando assim a confidencialidade do processo em curso.

Reajuste de preços pela Petrobras

A Petrobras anunciou na segunda-feira (8) um reajuste nos preços da gasolina e do gás de cozinha, que começou a valer nesta terça-feira (9). O preço do litro da gasolina subiu R$ 0,20, atingindo R$ 3,01, enquanto o preço do gás de cozinha de 13kg aumentou R$ 3,10, passando para R$ 34,70. O diesel, por outro lado, não sofreu reajuste.

Este aumento de 7,11% no preço da gasolina deve refletir em um aumento de 2,50% nas bombas para o consumidor final, segundo cálculos da Warren Investimentos. Além disso, espera-se que o reajuste tenha impacto no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial do país, em julho.

Impacto no Mercado Internacional

Mesmo com o reajuste, os preços praticados pela Petrobras ainda estão abaixo dos valores do mercado internacional. De acordo com a Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis (Abicom), os novos preços da Petrobras ainda apresentam uma defasagem média de R$ 0,34 por litro. Com o aumento de R$ 0,20 por litro, o valor médio da gasolina permanece 10% inferior ao produto importado.

Em Teresina, Procon autua postos de combustíveis por subir preços antes do aumento da Petrobras
Em Teresina, Procon autua postos de combustíveis por subir preços antes do aumento da Petrobras
Compartilhe este post
Cinara Cristina Canal da SorteMacedo CarnesSabores da TerraCitopatologista Dra JosileneAri ClinicaAfonsinho AmaranteFinsolComercial Sousa Netoclinica e laboratorio sao goncaloCetec AmaranteEducandario Menino JesusMercadinho AfonsinhoPax Uni~ão AmarantePax Uni~ão AmaranteDr. JosiasPier RestobarPax Uni~ão AmaranteHospital de OlhosIdeal Web, em AmaranteMegalink AmaranteSuper CarnesInterativa

Deixe um comentário