3:11 pm - segunda-feira novembro 24, 1687

Ministério da Integração inclui Amarante no Semiárido e traz facilidades ao homem do campo

Edição e postagem: Denison Duarte, em 16-08-2017 15:15 | Última modificação: 16-08-2017 23:11
Ministério da Integração inclui Amarante no Semiárido e traz facilidades ao homem do campo

Foto: Denison Duarte

Hospital de Olhos

AMARANTE NO SEMIÁRIDO – Amarante está incluída no Semiárido. A decisão é do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) que teve proposta aprovada pelo Ministério da Integração Nacional no final de julho.

Além de Amarante, outros 35 municípios do Piauí passaram a integrar o novo mapa do Semiárido no estado. Somente no Médio Parnaíba foram quatro, os outros três foram: Regeneração Jardim do Mulato e Passagem Franca.

A mudança contempla a participação dos municípios em razão do baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e do reduzido índice pluviométrico, fatores considerados essenciais para a mudança, segundo o Ministério.

“A primeira mudança será sentida pelo agricultor na Lei 13.340/2016, destinada à renegociação e liquidação de dívidas rurais: o bônus de operações realizadas até 2006 é de 85%, de 2007 a 2011 o bônus é de 40%. Com a mudança, esse bônus para operações contratadas até 2006 será de 95%, e para quem contratou entre 2007 e 2011, será de 50%”, explicou o agente de desenvolvimento do Banco do Nordeste, Chagas Nunes, ao Somos Notícia.

O Banco informou ainda que o programa Agroamigo vai ter uma linha específica para o Semiárido com bônus que poderá chegar até 40%.

A medida, segundo o agente, vai possibilitar a criação de novas linhas de crédito, a exemplo do Pronaf Semiárido.
A proposta de inclusão foi apresentada pelo ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, em Recife, na ocasião de uma reunião que contou com a participação do Conselho Deliberativo (Condel) da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene).

Amarante no Semiárido | Fotos: Denison Duarte

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE