AMARANTE

Piauí

Cadeia Pública de Altos recebe projeto de prevenção à hanseníase

Publicado em

Piauí

Uma carreta do projeto Roda-Hans esteve, nos dias 12 e 13 de maio, na Cadeia Pública de Altos, realizando a busca ativa contra a hanseníase nos internos da unidade penal. Equipes de saúde do Governo do Estado e da Secretaria Municipal de Saúde de Altos estiveram prestando os atendimentos aos custodiados.

Eliracema Alves, supervisora do Programa Estadual de controle à hanseníase, da Secretaria de Estado da Saúde, esteve na unidade penal acompanhando e colaborando com os trabalhos de conscientização sobre a doença.

“É um projeto do laboratório Novartis juntamente com o Ministério da Saúde, em parceria com os Estados e municípios. Aqui, na Cadeia Pública de Altos, a ação foi solicitada pelo município. Foi uma benção. Essa foi a primeira vez que a carreta adentra ao sistema prisional do Piauí para fazer a busca pelos casos de hanseníase e ter a oportunidade de falar tanto aos servidores quanto aos internos sobre o que é a doença”, frisou a representante da Sesapi.

Lia Raquel, Coordenadora de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Saúde de Altos, frisou que uma equipe multiprofissional esteve na unidade para o diagnóstico e testagens dos reeducandos.

Leia Também:  Pesquisador piauiense é homenageado em Pernambuco por defender legado de Luiz Gonzaga

“Nós, da Secretaria de Saúde de Altos, estamos ofertando todos os serviços com médicos dermatologistas, enfermeiros e técnicos de enfermagem, quando a gente trouxe a consulta com os profissionais para diagnosticar os casos de hanseníase precoce e iniciar os tratamentos”, disse a coordenadora.

Para o policial penal e gerente da Cadeia Pública de Altos, Rafael Magalhães, o projeto foi de suma importância para a saúde dos reeducandos.

“É com alegria e satisfação que a gente recebe esse projeto na CPA visando à saúde e o bem estar dos internos que estão na unidade. Após a solicitação das equipes de saúde de Altos, conseguimos fazer uma triagem daqueles que possuem suspeitas e trouxemos para os atendimentos, dando pra eles uma maior segurança do tratamento realizado”, disse o gerente da CPA.

Além dos atendimentos e busca para a hanseníase, foram realizados testes rápidos de HIV, Sífilis e testes de glicemia.

Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Piauí

PGJ e Diretor do Ceaf/MPPI se reúnem para discutir desenvolvimento de ações e estratégias para capacitação e valorização dos integrantes do MPPI

Publicados

em

O Procurador-Geral de Justiça do Piauí, Cleandro Alves de Moura, e o Diretor-Geral do Ceaf/MPPI (Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional do Ministério Público do Piauí), Fernando Melo Ferro Gomes, estiveram reunidos, na manhã de hoje, 26 de maio, para discutir ações e estratégias de capacitação dos integrantes do MPPI. O encontro aconteceu na sede do Ministério Público Estadual, na zona leste da capital.

Durante a reunião, foram debatidas questões relacionadas ao desenvolvimento de ações de valorização de membros e servidores aposentados da instituição. O PGJ propôs às equipes do SQVT (Comitê de Saúde e Qualidade de Vida no Trabalho) e do Ceaf a elaboração de estratégias que promovam a aproximação dos integrantes do MPPI inativos à instituição.

Outro ponto tratado na reunião de trabalho foi a abertura do Memorial do MPPI à visitação pelo público externo. Foi sugerida a implantação de totens, com informações sobre o MPPI, em especial, com os fatos mais relevantes da história da instituição.

Por fim, o PGJ determinou que a equipe do Ceaf inicie os estudos sobre a criação da Escola Superior do Ministério Público do Piauí.

Leia Também:  Governo do Estado inicia restauração de rodovia que liga Jardim do Mulato a Angical

Participaram, também, da reunião a chefe da Divisão de Desenvolvimento Humano, Bem Estar e Segurança no Trabalho, Gabriele Mesquita, a assessora ministerial Elane Coutinho, integrante da CPPT/MPPI (Coordenadoria de Perícias a Pareceres Técnicos), e a assessora do Ceaf/MPPI, Zélia Sobral.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA