AMARANTE

tragédia

Queda de avião com 132 pessoas pode ser o acidente aéreo mais mortal da China em quase 30 anos

Publicado em

Internacional

avião 132 pessoas montanhas
Fonte: Flightradar24

Um avião, do tipo Boeing Co. 737-800, caiu e, em seguida, se chocou contra uma cadeia de montanhas no sul da China nesta segunda-feira (21) levando 132 pessoas a bordo, que iam de Kunming para Guangzhou.

A aeronave, relativamente nova, estava sendo operada pela empresa China Eastern Airlines e despencou de uma altura aproximada de 25.000 pés em menos de dois minutos. A informação é do serviço de rastreamento de aeronaves Flightradar24.

Vídeos divulgados pela mídia estatal chinesa mostram uma nuvem de fumaça emergindo do local onde aconteceu a tragédia, parecendo tratar-se de um fragmento de asa ao lado de uma trilha na montanha.

De acordo com o The Wall Street Journal, havia 132 pessoas a bordo no avião. Se todos forem confirmados mortos, a ocorrência marcaria o acidente de avião mais mortal da china em quase três décadas.

Após 50 minutos da partida em Kunming, região sudoeste da China, a aeronave alcançou uma altitude de 29.100 pés e estava a uma velocidade de 524 milhas por hora, sem nenhum sinal de perigo, conforme o rastreamento do Flightradar24.dados.

Leia Também:  Identificado homem que morreu em Teresina após carro ser arrastado por água da chuva no bairro Satélite

O nariz da aeronave inclinou para baixo por volta das 14h20, no horário previsto para descer em Guangzhou e começou a se mover em direção ao lado da montanha.

“Uma vez que estão em altitude de cruzeiro, geralmente as aeronaves não caem”, disse Paul Hayes, diretor de segurança aérea e seguro da empresa de consultoria de aviação Ascend by Cirium, acrescentando que o incidente parecia “incomum” em incidentes de segurança de aeronaves. “A maioria dos acidentes ocorre na fase de pouso e decolagem do voo.”

 

Com informações do The Wall Street Journal

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Internacional

Ataque a tiros em escola do Texas mata 14 crianças e um professor; autor dos disparos agiu sozinho

Publicados

em

massacre escola texas atirador mortos

Na tarde desta terça-feira (24), quinze pessoas foram mortas, sendo um professor e 14 alunos, incluindo mais de uma dúzia de crianças, durante um tiroteio em uma escola primária do Texas. A informação foi confirmada pelo governador Greg Abbott.

Não foram ainda divulgadas as circunstâncias do ataque, que foi registrado por volta de meio-dia, horário local (14h em Brasília).

“O que aconteceu em Uvalde é uma tragédia horrível que não pode ser tolerada no estado do Texas. Há uma ação rápida sendo tomada pela polícia local”, disse o governador em coletiva de imprensa. Ele garantiu que as autoridades locais estão auxiliando nas investigações e que receberão “todos os recursos necessários”.

O autor dos disparos foi identificado como Salvador Ramos, de 18 anos. Segundo o chefe da polícia na região de Uvalde, Pete Arredondo, o criminoso agiu sozinho.

O FBI está auxiliando na investigação do caso. “Ele atirou e matou horrivelmente, incompreensivelmente, 14 alunos e matou um professor”, disse o governador do Texas, acrescentando que o suspeito, Salvador Ramos, 18, também está morto.

Leia Também:  Idoso em situação de rua pede o que comer e recebe ração para cachorro misturada com arroz

O hospital Uvalde Memorial recebeu 17 crianças feridas, sendo que duas delas morreram na chegada, segundo informou o presidente-executivo do hospital, Tom Nordwick.

Um homem de 40 anos chegou ao hospital com ferimentos leves. “Ele apenas disse: ‘Trate as crianças””, disse Nordwick, acrescentando que 12 crianças ainda estavam sendo tratadas no pronto-socorro e ele não sabia dizer qual era a condição delas.

Duas crianças foram encaminhadas para atendimento médico em San Antonio. Outra ficou aguardando um transporte. Uma mulher, segundo o hospital, estava em estado crítico.

Robb Elementary tem uma matrícula de pouco menos de 600 alunos. Anteriormente, o Distrito Escolar Independente Consolidado de Uvalde havia dito que todas as escolas do distrito foram fechadas por causa de tiros na área.

Com informações da CNN e do The Los Angeles Time

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA