AMARANTE

residência permanente

O que é necessário para se viver em Portugal com um Golden Visa?

Publicado em

Internacional

O esquema Golden Visa é um programa extremamente popular oferecido pelo governo português que envolve a oferta de autorizações de residência permanente a indivíduos que investem em bens imobiliários portugueses. Originalmente criado para ajudar o mercado de habitação após a crise de 2008, o programa foi extremamente bem-sucedido com cerca de 10.000 investidores desde o seu lançamento em 2012. Um dos ativos mais valiosos de Portugal é a sua adesão à UE e à área Schengen, permitindo que seus residentes viagem com isenção de visto para a grande maioria da Europa. 

Para além da viagem inicial com isenção de visto para a maior parte da Europa, os candidatos ao regime podem então candidatar-se a um passaporte português se o investimento for mantido por um período mínimo de 5 anos, permitindo ao seu titular o acesso sem visto a 188 países. O passaporte de Portugal é na verdade o sexto passaporte mais forte do mundo, o que é tentador para muitos investidores. Até agora, o maior grupo demográfico individual de investidores foram os chineses, com cerca de 5.000 investidores, seguidos pelos brasileiros e, em seguida, pelos turcos.

Leia Também:  Ativistas do Femen se despem no Congresso espanhol pela legalização do aborto

No entanto, o regime deverá atualizar as suas regras em 2022, uma vez que o governo português pretende utilizar este regime para ajudar a impulsionar as economias em áreas de menor densidade, como o interior de Portugal. O interior do país teve uma população em declínio constante nos últimos anos, à medida que os jovens se mudaram para as cidades costeiras de Portugal, como Lisboa e Porto, e agora a taxa de natalidade caiu abaixo da taxa de mortalidade, agravando o problema. Os candidatos ao Golden Visa só poderão candidatar-se se adquirirem um imóvel no interior de Portugal Continental e zonas selecionadas, bem como nas Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores, a partir de 1 de Janeiro de 2022.

Os imóveis em Lisboa e no Porto, duas das cidades mais procuradas por investidores estrangeiros para a compra de imóveis, não serão incluídos na lista de localizações elegíveis. Em áreas de alta densidade, o investimento mínimo para ser elegível para o esquema será de €500.000 para uma nova construção, ou € 350.000 para uma propriedade antiga que necessite de alguma renovação. Muitos locais no interior de Portugal, no entanto, estarão inclusos na categoria de área de baixa densidade, que vem com um preço muito mais barato. Por exemplo, os investimentos imobiliários em zonas de baixa densidade do Algarve têm um preço mínimo de €280.000 se tiver mais de 35 anos e necessitar de renovação e €400.000 para novas construções. O processo de candidatura envolve também a abertura de conta em banco português e obtenção de um número NIF, assim como a deslocação ao país para que o governo registre os seus dados biométricos.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Internacional

Coronavírus: variante ômicron provoca alarme global, e ações na bolsa de valores despencam

Publicados

em

Uma nova variante do coronavírus, ômicron, foi detectada na África do Sul e passa a ser uma preocupação mundial por causa do seu alto número de mutações e também pela rápida disseminação entre pessoas jovens em Gauteng, que é a província mais populosa do país. O anúncio foi feito pelo ministro da Saúde, Joe Phaahala, nessa quinta-feira (25).

Possíveis mudanças que podem ser mais transmissíveis ou mortais estão sendo monitoradas por cientistas. Descobrir se a nova variante pode provocar um impacto na saúde pública pode levar algum tempo.

“A África do Sul tem visto um aumento dramático no número de novas infecções”, disse Phaahla em uma coletiva de imprensa online. “Nos últimos quatro ou cinco dias, houve um aumento mais exponencial”, disse ele, acrescentando que a nova variante parece estar impulsionando o pico de casos.

“A nova variante foi identificada como B.1.1.529 e já foi encontrada em Botswana e Hong Kong em viajantes da África do Sul”, completou.

Voos da África do Sul e de outros cinco países da África Austral estão sendo proibidos pelo governo britânico. Qualquer pessoa que tenha chegado recentemente de qualquer um desses países seria convidada a fazer um teste de coronavírus.

Leia Também:  Fidel Castro rompe silêncio sobre acordo: "não confio nos EUA

O secretário de Saúde do Reino Unido, Sajid Javid, disse que havia preocupações de que a nova variante “pudesse ser mais transmissível” do que a cepa delta dominante, e “as vacinas que temos atualmente podem ser menos eficazes” contra ela.

A nova variante tem uma “constelação” de novas mutações, disse Túlio de Oliveira, da Rede de Vigilância Genômica da África do Sul, que acompanhou a disseminação da variante delta no país.

“O número muito elevado de mutações é uma preocupação para a evasão imunológica e transmissibilidade prevista”, disse Oliveira.

As ações na bolsa de valores despencaram na Ásia e também na Europa com o temor de outro revés pandêmico. Wall Street iniciou o dia com forte baixa, com o Dow fechado em mais de 900 pontos abaixo.

O efeito da variante está impactando também os preços do petróleo, e as ações das companhias aéreas despencaram, com queda registrada também nos principais índices de ações na Europa e na Ásia.

Com informações da Rede NBC News

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA