AMARANTE

Esportes

Real, Barcelona e mais cinco ficam na mira da UE por fraudes

Publicado em

Esportes

Suspeitos de envolvimento em possíveis irregularidades fiscais, sete clubes da Espanha podem ser obrigados a devolver o valor de contribuições recebidas nos últimos anos. De acordo com a comissão da União Europeia, Real Madrid, Barcelona, Athletic Bilbao, Osasuna, Valencia, Elche e Hercules estão na mira da instituição, localizada em Bruxelas, na Bélgica. 

De acordo com as informações divulgadas pelo jornal espanhol As, quatro clubes são acusados de privilégios fiscais. Enquanto o estabelecido pelo governo espanhol é o tributo de 30% dos ganhos de cada clube, Real Madrid, Barcelona e Osasuna teriam repassado apenas 25%. O Athletic Bilbao, por sua vez, seria responsável por uma quantia ainda menor: 21%.

Outra acusação que envolve o Real Madrid é com relação à construção de seu novo estádio. O acordo com o governo espanhol foi firmado em 1998, revisto em 2011, quando o projeto do clube merengue avançou. A União Europeia acredita que a valorização indicava para o imóvel não condiz com a realidade: em 16 anos, o valor teria subido cerca de R 2 milhões, enquanto que o indicado é R$ 1,5 milhão.

Leia Também:  Guardiola "não tem dúvidas" sobre chances de título do City no Inglês

As acusações feitas pela União Europeia, registradas no Diário Oficial da entidade no dia 7 de março, ainda cobram explicações com relação a empréstimos feitos a três clubes espanhóis, sob o aval do governo local. De acordo com as investigações, Valencia, Hércules e Elche receberam um total de 118 milhões de euros (R$ 386,4 milhões).

COMENTE ABAIXO:

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

Esportes

Fluminense recebe o Cuiabá em Maracanã lotado

Publicados

em

Embalado na temporada, o Fluminense encara o Cuiabá, a partir das 16h (horário de Brasília) deste domingo (7) no estádio do Maracanã, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Tricolor das Laranjeiras chega ao confronto em um momento especial, com uma invencibilidade de 12 jogos (nove vitórias e três empates). Esta sequência de confrontos abrange duas competições: Brasileirão e Copa do Brasil, campeonato no qual a equipe carioca disputa as quartas de final contra o Fotaleza (o Fluminense bateu a equipe cearense por 1 a 0 na partida de ida, disputada no estádio do Castelão.

Para esta partida, o Tricolor terá uma ausência de peso, o volante André, que está suspenso após tomar o terceiro cartão amarelo na competição no empate de 2 a 2 com o Santos na última segunda (1) na Vila Belmiro. Segundo Paulo Henrique Ganso, a ausência de um dos destaques da equipe deve ser lamentada, mas o time deve procurar formas de sanar este desfalque: “André é um grande jogador. Sem dúvida fará falta. Temos que pensar como time, como grupo. Sem ele, vai ter Martinelli, Nonato, Wellington, Yago Felipe. Todos poderão nos ajudar. Eu mesmo, quando estiver ausente, vai ter outro para fazer a função”.

Leia Também:  Santos fica no empate com Unión La Calera na Sul-Americana

Se a equipe de Fernando Diniz terá de lidar com ausências importantes dentro de campo, fora das quatro linhas o apoio maciço da torcida pode ser um diferencial para o camisa 10: “Saudade do Maracanã, de estar perto da nossa torcida […]. Já tem mais de 30 mil [torcedores]? Que chegue a 50, 60 mil. Temos um returno muito longo. Caso continuemos nessa invencibilidade, fazendo nossa pontuação em casa, podemos chegar no ponto alto da tabela, que é o nosso objetivo”.

Já o Cuiabá vive situação delicada na competição, dentro da zona do rebaixamento com apenas 20 pontos. Além disso, o Dourado não vence há quatro partidas no Brasileiro (somando três derrotas e um empate).

Transmissão da Rádio Nacional

A Rádio Nacional transmite Fluminense e Cuiabá com a narração de André Luiz Mendes, comentários de Mario Silva e plantão de Bruno Mendes. Você acompanha o Show de Bola Nacional aqui:

Leia Também:  Natação paralímpica do Brasil desembarca em Portugal para Mundial

Fonte: EBC Esportes

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA