AMARANTE

GERAL

Fisioterapia: ‘Entenda a Espondilite anquilosante’, por Felipe Ricardo

Avatar

Publicado em

GERAL

Entenda a Espondilite anquilosante

Espondilite anquilosante é uma doença inflamatória crônica e progressivo, que ataca primeiramente a coluna vertebral, as articulações sacroilíacas e o esqueleto axial, principalmente coluna, quadris, joelhos e ombros.
Além do mais, a espondilite anquilosante pode evoluir com rigidez e até mesmo, agregar a importante limitação funcional progressiva e comprometer qualidade de vida dos pacientes.
De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), estima-se que mais de 80% da população mundial sofrerá ao menos um episódio de dor nas costas na vida.
Perante a alta incidência, é importante estar alerta, porque, a dor nessa região pode ser sintoma de uma doença mais grave.
A Espondilite Anquilosante é uma patologia que pode vir seguida por uma série de sinais, sintomas e umas atributos peculiares.
Alguns pesquisadores ingleses apoiaram que se juntasse dentro de um mesmo conjunto determinadas doenças, ainda então consideradas inteiramente distintas entre si, mas que, na veracidade, apresentavam diversas características comuns, conhecido por espondiloartropatias, para conhecer mais sobre essas características, basta CLICAR AQUI!
Este conjunto incluiu a espondilite anquilosante, a artrite psoriásica, a artrite reativa e a síndrome de Reiter. Caso tenha interesse em conhecer sobre os sinais, sintomas e tratamentos da artrite psoriásica, clique aqui.
EPIDEMIOLOGIA
A Espondilite Anquilosante geralmente tem início no adulto jovem, na segunda ou terceira década de vida, acometendo principalmente indivíduos do gênero masculino, na razão de 3:1 (Zink et al, 2000).
Acomete ambos os sexos, porém, tem predileção pelo sexo masculino, da cor branca e que herdam um determinado grupo sanguíneo dos glóbulos brancos, em uma proporção de dois a quatro homens para cada mulher BARROS et al, 2007).
De acordo com Golding (1980), a prevalência varia conforme a população e o critério diagnóstico utilizado, sendo rara em negros, asiáticos e africanos.
Diagnóstico
Para a aprovação diagnóstica da Espondilite Anquilosante, os critérios mais empregados são os de Nova York modificados, que acordam critérios clínicos e radiográficos, segundo Barros et al. (2007).
Assim, para o diagnóstico de Espondilite Anquilosante é imprescindível a apresentação de um critério clínico e um critério radiográfico.
Os critérios clínicos são:
a) Dor lombar de mais de três meses de duração que melhora com o exercício e não é aliviada pelo repouso;
b) Limitação da coluna lombar nos planos frontal e sagital;
c) Expansibilidade torácica diminuída (corrigida para idade e sexo).
Os critérios radiográficos são:
a) Sacroiliíte bilateral, grau 2, 3 ou 4;
b) Sacroiliíte unilateral, grau 3 ou 4.
SINAIS E SINTOMAS
Os pacientes com espondilite anquilosante costumam relatar problemas de dor, rigidez, fadiga, perda de movimentos e função, sintomas esses, que são tratados usualmente pela fisioterapia, que dispões de vários recursos para isso.
A INTERVENÇÃO FISIOTERAPÊUTICA
Para a Sociedade Brasileira de Reumatologia (2012), embora não exista cura para a doença, o tratamento precoce e adequado consegue tratar os sintomas (inflamação e dor), estacionar a progressão da doença, manter a mobilidade das articulações acometidas e manter uma postura ereta.
A intervenção fisioterapêutica é parte fundamental do tratamento. Atua de maneira preventiva ou retardando as complicações, com o objetivo de preservar os movimentos, manutenção de uma postura funcional e evitar incapacidades funcionais físicas, intervindo na melhora das atividades de vida diária dos portadores desse aspecto patológico (CHIARELLO,2005).
De acordo com Kisner (2005), deve-se aplicar técnicas de alongamento nas estruturas que se encontram contraídas e fortalecer os grupos musculares que estão com a flexibilidade diminuída e alongadas, extensão na coluna dorsal, rotação de tronco e pescoço.
CONCLUSÃO
Atualmente, existem evidências cientificas consistentes de que fisioterapia regular é essencial no tratamento de um paciente com espondilite anquilosante.
Sendo assim, a atuação do fisioterapeuta em pacientes portadores de espondilite anquilosante é de suma importância, visto que, a própria doença leva a um quadro clínico de dor aguda, rigidez, redução da mobilidade, levando à deformidade e incapacidade.
Fonte: Felipe Ricardo – Fisioterapeuta – CREFITO 14/235419 – http://www.frfisioterapia.com/

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Embraer é alvo de investigação nos EUA por suborno, diz jornal
Avatar

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

GERAL

Festival Pint of Science começa hoje e termina na quarta-feira

Avatar

Publicados

em


Começa hoje (17) e vai até a próxima quarta-feira (19) o festival de divulgação científica Pint of Science (Copo de Ciência) 2021, “o maior evento mundial de divulgação científica em bares e restaurantes”, segundo os organizadores. Eles classificam a iniciativa como uma espécie de “brinde à ciência”. Pelo segundo ano consecutivo, o brinde será feito de forma remota, uma vez que o evento será online por causa da pandemia.

Nesta edição, contará com a participação de 30 países, e estará presente em 67 cidades brasileiras. Dez delas, capitais. Também pelo segundo ano consecutivo, ocorrerá uma versão voltada às crianças: o Pint of Milk (Copo de Leite), que será transmitido a partir de Belo Horizonte, Lavras (MG), Campos dos Goytacazes (RJ), Rio de Janeiro, Marabá (PA) e Vila Velha (ES).

A transmissão dos eventos será por meio do canal do Pint of Science Brasil no Youtube, além dos canais das instituições de ensino parceiras. Para saber como assistir, basta acessar a programação no site.

Leia Também:  Polícia Federal faz operação contra tráfico de drogas em cinco estados

Destaques da programação

Em Brasília, uma das atividades desenvolvidas pelo festival é chamada “Perguntas absurdas vs Cientistas sensatos”, que responde a indagações interessantes que, em geral, surgem a partir da cabeça de crianças. “Como as baratas e os ratos comem esgoto e lixo e não têm dor de barriga?”, exemplificam os organizadores.

Em São Paulo, uma das atividades é destinada a tirar dúvidas sobre o uso de métodos de investigação e a importância da diversidade no ensino de ciências, fazendo das salas de aulas “um verdadeiro experimento” para aqueles que acreditam que a educação é o que transforma tudo. Os interessados devem procurar a atividade “Ciência na sala de aula”.

“Pandemia e maternidade: como esses fatores têm afetado a produtividade na pesquisa?” é um dos eventos previstos que ocorrerá em Palmas (TO). Abordará a influência da pandemia na produtividade de mães e pesquisadoras.

A automedicação e o uso indevido ou inadequado de medicamentos – em especial antibióticos – durante a pandemia é o destaque do Pint of Science (Litro de Ciência) em Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul. 

Leia Também:  Como avaliar os pneus de um carro seminovo?

Pint of Milk

Já entre os destaques do Pint of Milk (Copo de Leite) está a presença do criador do personagem Zé Gotinha, usado nas campanhas de vacinação no Brasil, Darlan Rosa, em transmissão feita a partir de João Monlevade (MG). 

Em Belo Horizonte, será apresentada a animação “Hoje é dia de vacina!” que mostra como as vacinas protegem a saúde e tiram de cena doenças contagiosas; e em Campos de Goytacazes (RJ), as crianças poderão assistir as aventuras da Dra. Lucimundi Voyageur para contar como é a vida na praia.

Vila Velha (ES) transmitirá o evento “Tem ciência na cozinha!”, que mostrará que “toda cozinha é praticamente um laboratório de experimentos, com transformações químicas e físicas acontecendo o tempo todo”.

Edição: Kleber Sampaio

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA