AMARANTE

GERAL

EBC prorroga inscrições para processo seletivo de estágio

Avatar

Publicado em

GERAL


A Empresa Brasil de Comunicação (EBC) prorrogou para o dia 2 de maio, às 17h, o prazo das inscrições para o 1º Processo Seletivo de Estágio 2021. Serão oferecidas 12 vagas e formação de cadastro reserva para a sede da empresa em Brasília e para as regionais do Rio de Janeiro e São Paulo. Podem concorrer estudantes de nível superior e técnico.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no site da Super Estágios. A prova, objetiva e online, poderá ser realizada no momento em que o candidato efetuar a inscrição no processo seletivo. A avaliação é composta por 30 questões e terá duração máxima de uma hora (60 minutos). O conteúdo da prova está dividido entre língua portuguesa, conhecimentos gerais (informática, raciocínio lógico e atualidades) e conhecimentos específicos de cada curso.

A data de divulgação do gabarito no site da Super Estágios também foi alterada, para o dia 3 de maio de 2021. Os estudantes que obtiverem nota inferior a 50% do total da prova estarão automaticamente desclassificados. Os aprovados serão convocados de acordo com a ordem de classificação e da oferta de vaga no curso/localidade indicada durante a inscrição.

Leia Também:  Número de mortos na favela do Jacarezinho sobe para 28 

Vagas

Das 12 vagas, nove são para Brasília, sendo duas para estudantes de ciência da computação/sistemas da informação/análise e desenvolvimento de sistemas/engenharia da computação/gestão em tecnologia da informação, quatro para estudantes de jornalismo, uma para publicidade e duas para nível técnico. Para o Rio de Janeiro, uma vaga é destinada a técnico em informática. Já para São Paulo são duas vagas, uma destinada aos estudantes de jornalismo e uma para técnico em informática. O cadastro reserva selecionará estudantes para todos os cursos citados de níveis superior e técnico.

Bolsa Estágio

O estagiário de nível superior receberá bolsa estágio no valor de R$ 600, mais auxílio-transporte no valor de R$ 220. O estagiário de nível técnico terá direito a bolsa de R$ 500 mais auxílio-transporte de R$ 220.

Ações  Datas
Inscrições e prova online 12/04/2021 a 02/05/2021
Divulgação do gabarito 03/05/2021
Publicação do resultado final 04/05/2021
Início das convocações 05/05/2021

Sobre a EBC

Criada em 2007 para fortalecer o sistema público de comunicação, a EBC é gestora da Agência Brasil, Radioagência Nacional, Rádio MEC AM, Rádio MEC FM, Rádio Nacional do Alto Solimões, Rádio Nacional da Amazônia, Rádio Nacional de Brasília AM, Rádio Nacional FM de Brasília, Rádio Nacional do Rio de Janeiro e a TV Brasil.

Leia Também:  Confronto em protesto contra uso de animais em pesquisas deixa 6 feridos

Assista à matéria da TV Brasil:

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

GERAL

Anvisa autoriza produto à base de cannabis em projeto com a Fiocruz

Avatar

Publicados

em


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou autorização sanitária para um novo produto à base de cannabis com a participação da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), produzido pela empresa Prati, Donaduzzi e Cia. O preparado foi denominado Canabidiol Farmanguinhos 200 mg/mL.

O produto tem administração por via oral e é composto de 200 mg/ml de CBD, um dos princípios ativos da Cannabis sativa e de até 0,2% de THC (tetra-hidrocanabinol, o principal componente psicoativo da planta). O pedido foi feito pela Fiocruz em março deste ano. De acordo com a Anvisa, a análise levou 35 dias no total.  

O canabidiol só pode ser utilizado a partir de um determinado tipo de receita médica (tipo B) e somente no caso de esgotamento de outros tratamentos, conforme determina a legislação para o tema.

Ainda de acordo com o regramento da Anvisa, essas substâncias são produtos, e não medicamentos. Isso porque neste último caso precisa haver estudos clínicos que comprovem a eficácia das substâncias.

Até o momento, argumenta a Anvisa, as pesquisas científicas ainda não desenvolveram métodos para aferir as evidências e informações suficientes para que tais produtos sejam considerados medicamentos.

Leia Também:  Caso Henry: vereador Dr. Jairinho é preso no Rio

Na avaliação do advogado da Comissão de Assuntos Regulatórios da Ordem dos Advogados do Brasil Rodrigo Mesquita, o deferimento envolve a pesquisa de um canabidiol com insumo importado pela Fiocruz. A regra existe desde 2019 e apenas agora houve uma aprovação desta, informou.

“A impossibilidade de se cultivar no país é um entrave central à própria realização de pesquisas com produtos derivados de cannabis. Enquanto não houver regulação que permita o cultivo não vai ser possível explorar a potencialidade que as instituições de pesquisa brasileiras têm nessa área.”

Edição: Maria Claudia

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA