AMARANTE

Famosos

Divórcio bilionário: Kim Kardashian e Kanye West oficializam separação

Publicado em

Famosos

Divórcio bilionário

A influenciadora digital Kim Kardashian e o rapper Kanye West decidiram se separar oficialmente após um juiz acatar o pedido da empresária, que havia sido feito há um ano. Os dois são proprietários de um patrimônio avaliado em US$ 2,1 bilhões, de cordo com informações da Forbes.

No processo, que foi aceito nessa quarta-feira (03), ela alegava que entre os dois havia diferenças irreconciliáveis. Ela estava casada com o músico desde 2014 e, juntos, tiveram quatro filhos: North, 8 anos; Saint, 6; Chicago, 4, e Psalm, 2.

De acordo com o TMZ, o rapper chegou a impor condições para aceitar o divórcio, uma delas foi a de que o direito a qualquer quantia seria recebida e também dividida nos próximos anos.

Ele ainda pediu que Kim não faça nenhuma transferência de ativo deles colocados em fundos e que, caso volte a se casar, que ela abra mão do privilégio conquistado nesses anos. Os dois pedidos foram negados pelo juiz.

Em agosto, deve haver nova audiência, que deverá decidir sobre a partilha dos bens a custódia dos filhos.

Leia Também:  Carro de Cristiano Araújo estava a 179 km/h, dizem técnicos ingleses 

Os dois são bilionários e influenciadores na música e na moda. Kanye já ganhou vários prêmios e é celebrado no mundo da música. Ele possui uma linha de roupas e tênis em parceria com a Adida, A Yeezy. O seu patrimônio é avaliado em US$ 1,bilhão.

Kardashian é famosa mundialmente através do seriado ‘Keeping Up With the Kardashians’, possuindo um patrimônio de USS 780 milhões.

Com informações da Isto É Dinheiro

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Famosos

Nesta quinta-feira, será celebrada a missa de um mês da morte de Paulinha Abelha

Publicados

em

coma profundo hemodiálise

Nesta quinta-feira (24) será realizada a missa por um mês da morte da cantora Paulinha Abelha, da banda Calcinha Preta. A informação foi confirmada pela banda.

A celebração vai acontecer na Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Conjunto Orlando Dantas, no bairro São Conrado, em Aracaju.

Paulinha morreu no dia 23 de fevereiro em Aracaju, segundo a certidão de óbito, por quatro causas: meningoencefalite, hipertensão craniana, insuficiência renal aguda e hepatite.

A cantora foi internada em Aracaju no dia 11 de fevereiro, quando apresentou dores após a turnê com a banda em São Paulo.

O quadro se agravou e, no dia 14, a cantora foi transferida para a UTI; três dias depois, ela entrou em coma. No dia 23, as lesões neurológicas de Paulinha Abelha se agravaram e houve a confirmação da morte encefálica da cantora.

Com informações do g1

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Brasil ratifica acordo de mobilidade entre países de língua portuguesa
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA