Menu...

Última Notícia

12 de dezembro de 2017

BMW lança no Brasil primeiro carro elétrico do país vendido no varejo


Hospital de Olhos

A BMW não quis esperar. Antes mesmo da definição sobre um possível plano de subsídios do Governo Federal (responsável pelo IPI) para veículos movidos a energia alternativa, que pode sofrer mudanças de rumo dependendo do resultado da eleição presidencial de outubro, a montadora alemã resolveu servir de “cobaia” ao lançar no Brasil, nesta quarta-feira (10), o i3, primeiro carro elétrico do país vendido no varejo.

Além dele, trará também o esportivo híbrido i8, mas apenas por encomenda e a preço quase proibitivo.

Antes da dupla, já circulavam pelas ruas brasileiras algumas unidades do Nissan Leaf, também 100% elétrico, porém em número bem restrito e caráter experimental, destinado só a frotas de táxi e à polícia do Rio de Janeiro. Ou seja: não há venda do modelo da marca japonesa.

Além deles, também estão no mercado híbridos como o Toyota Prius e seu “primo” de luxo Lexus CT200h, bem como o sedã Ford Fusion Hybrid — os três disponíveis ao consumidor.

QUEM PODE COMPRAR
O i3 estará disponível em concessionárias de São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Joinville (SC), Recife (PE), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Salvador (BA) e Brasília (DF), em duas versões:

– BMW i3 Rex Entry: R$ 225.950
Inclui seis airbags, ar-condicionado, controle de estabilidade e tração, freios com sistema ABS (antitravamento) e anticolisão (frenagem automática), teto solar, sistema de som, faróis de LED, sensor de estacionamento traseiro, rodas aro 19 polegadas, central multimídia com tela de 10,25 polegadas e navegador GPS, e controle de cruzeiro. Estará disponível nas cores branco Capparis, prata Ionic, prata Andesit, cinza Arravani e cinza Laurus.

– BMW i3 Rex Full: R$ 235.950
Acrescenta ao pacote anterior as rodas aro 20, sensor de estacionamento frontal e traseiro, câmera de ré, controle de cruzeiro adaptativo, acabamento interno diferenciado e opção exclusiva de cor laranja Solaris.

Ou seja, sem a ajuda governamental, a montadora diz não ter conseguido cumprir o plano — revelado a UOL Carros no último Salão de Detroit — de trazê-lo abaixo dos R$ 200 mil, e não possui expectativas de reverter essa realidade em curto prazo, conforme admitiram os executivos da fabricante durante o lançamento, realizado na capital paulista.

Fonte:R7

Radar Financeira

Tags: , , , , ,

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE