Menu...

Última Notícia

15 de dezembro de 2017

Coréia do Norte é apontada por países e empresas de tecnologia como suspeita em ciberataque


Hospital de Olhos

Países e empresas do ramo de tecnologia em várias partes do mundo acusam a Coréia do Norte pelo ataque cibernético que atingiu mais de 300 mil computadores em mais de 150 países.

Os ataques iniciaram na última sexta-feira (12). Os Estados Unidos, a Google, a Symantec e a Kaspersky acreditam que a Coréia do Norte teria sido a mentora do ataque. A observação foi feita nos códigos utilizados e vestígios deixados pelo vírus em seu caminho.

O vírus que causou os estragos foi identificado como WannaCry, e é do tipo ransomware. O The New York Times assegura que alguns dos códigos utilizados pelos hackers são semelhantes a outros usados no passado pela própria Coréia do Norte em ataques cibernéticos.

O site diz que esta não se configura como a prova definitiva do envolvimento de Pyongyang, pois o método poderia ter sido copiado por hackers de outros países.

Equipamentos da Coréia do Sul e dos EUA, juntos com a Rússia, permanecem em alerta trabalhando na investigação de hackers.

A agência europeia de polícia considera que ainda pode ser cedo para determinar quem está por trás do caos que se instalou nos países.


Tags:

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE