AMARANTE

Piauí

TCE-PI lança editais de concurso para provimento de cargos públicos

Publicado em

Piauí


O Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) disponibilizou nesta segunda-feira (17) os editais para o Concurso Público TCE-PI 2021, sendo um edital para as cinco vagas de nível médio e um edital para a vaga de nível superior. Ao todo, são seis vagas, sendo uma, de ampla concorrência, para o cargo de Auditor de Controle Externo – Área específica de Engenharia (nível superior), e cinco para o cargo de Assistente de Administração (sendo 04 vagas para ampla concorrência e 01 vaga para pessoa com deficiência), exigindo nível médio.

A organizadora do concurso é a Fundação Getúlio Vargas (FGV). As inscrições para o certame iniciam já nesta terça-feira (18), a partir das 16h, e seguem até as 16h do dia 21 de junho (neste link: https://conhecimento.fgv.br/concursos/tcepi21). As provas estão previstas para o dia 22 de agosto, no turno da tarde (com possibilidade de adiamento, tendo em vista a situação de pandemia do novo coronavírus). A taxa de inscrição é de R$ 80,00 para o cargo de nível médio e de R$ 160,00 para o cargo de nível superior. Também será assegurada, de acordo com a legislação vigente, a gratuidade da taxa.

Leia Também:  Viatura transportando presos pega fogo próximo à antiga Casa de Custódia

Para o cargo de Assistente de Administração serão cobradas as seguintes disciplinas: como conhecimentos básicos, Língua Portuguesa, Legislação Específica e Matemática Financeira, e como conhecimentos específicos, Noções de Administração Financeira e Orçamentária, Noções de Administração, Noções de Contabilidade, Noções de Direito Administrativo e Noções de Direito Constitucional.

Para o cargo de Auditor de Controle Externo – Área específica de Engenharia, como conhecimentos básicos, a seguintes disciplinas: Língua Portuguesa, Direito Constitucional e Direito Administrativo, Administração Financeira e Orçamentária; como conhecimentos específicos: Auditoria, Controle Externo, Auditoria de Obras Rodoviárias, Auditoria de Obras de Edificações e Auditoria de Obras Hídricas e Saneamento. Para ambos os cargos, além da prova escrita objetiva, também haverá prova escrita discursiva (redação).

O vencimento básico para o cargo de Auditor de Controle Externo é de R$ 11.474,13. Já para o cargo de Assistente de Administração é de R$ 2.699,79. Ambos os cargos contam com outros benefícios, como auxílio alimentação, por exemplo.

Os editais também destacam procedimentos sanitários que serão adotados no dia da realização das provas, em virtude da pandemia da Covid-19. Todos os locais de aplicação apresentarão rotas e marcações no chão, a fim de garantir o distanciamento seguro. As salas de aplicação serão organizadas com redução da capacidade, mantendo-se o distanciamento adequado entre as carteiras, e serão submetidas aos cuidados necessários de higiene e ventilação. Sempre que possível, as portas e janelas serão mantidas abertas. Serão disponibilizados frascos de álcool em gel em todas as salas e pontos de circulação. Também haverá liberação de entrada antecipada e triagem rápida na entrada dos (as) candidatos (as), para reduzir o tempo de espera na identificação. O uso de máscara será obrigatório.

Leia Também:  Professores comentam provas do Enem digital nesta segunda (8)

Para ter acesso aos editais, seguem os links:

Edital – Assistente de Administração (nível médio).

Edital – Auditor de Controle Externo (nível superior).

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Piauí

Governador trata sobre melhorias no sistema prisional com presidente do TJ

Publicados

em


O governador Wellington Dias reuniu-se, nesta quinta-feira (24), no Palácio de Karnak, com o presidente do Tribunal de Justiça (TJ), Ribamar Oliveira, e o secretário de Estado da Justiça, Carlos Edilson. Na ocasião, trataram sobre melhorias no sistema prisional do Piauí.

A pretensão do chefe do executivo estadual é dar um passo a mais na política de integração para a implementação de um novo modelo na área da segurança. “Temos, de um lado, o crime organizado e, do outro, crimes intermediários e de baixo risco, que precisam estar separados. Queremos uma pactuação entre os poderes para que possamos implementar o sistema de classificação por risco, que dá resultados em diversas regiões do mundo. Estamos ainda criando a Força Integrada de Segurança do Piauí e os próximos passos devem ser a Força Nordeste e a Força Brasil, para que possamos ter um plano estratégico para reduzir a violência em todo o país”, afirmou Wellington Dias.

Segundo o presidente do TJ, a quantidade de vagas nos presídios precisa ser debatida. “Existe um programa de desenvolvimento da ONU para a garantia dos diretos humanos e isso passa pelas vagas nos presídios. Quando as vagas inexistem, aumenta a concentração de detentos, o que viola, em tese, os direitos humanos e a dignidade da pessoa. O Piauí e o Brasil todo precisam de mais vagas em presídios. O governador já se debruçou sobre essa questão, já esteve em Brasília tratando sobre a problemática e viemos acompanhar o trabalho para a liberação de verbas para a construção de mais presídios”, disse Ribamar Oliveira.

Leia Também:  Programa de Piscicultura atinge mil famílias fortalecendo arranjo produtivo

Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA