AMARANTE

BRASIL

Taxa de transmissão cai no DF, mas ocupação de UTI continua alta

Avatar

Publicado em

BRASIL


O Distrito Federal tem reduzido a cada dia o índice de retransmissão do covid-19. O chamado Índice RT traz a estimativa de quantas pessoas são infectadas por um portador do vírus. Se o índice estiver em 1, significa que um portador transmite o vírus para apenas uma pessoa. Quanto maior o índice, maior o número de contaminados por esse portador. Atualmente, segundo o governo do DF, o índice está em 0,93.

O governador do DF, Ibaneis Rocha, decretou o fechamento do comércio e de atividades não essenciais em 1º de março. Na ocasião, a taxa de transmissão do vírus, ou Índice RT, estava em 1,38 e 92% dos leitos de UTI estavam ocupados. No dia 19 de março, Ibaneis prorrogou a medida. Desde o início do mês, com o início das restrições, o Índice RT passou a cair. A princípio, a restrição imposta pelo governo encerra na próxima segunda-feira (26). Não há informações se Ibaneis fará nova prorrogação.

“O Governo do Distrito Federal esclarece que todas as medidas tomadas para combate ao coronavírus são baseadas em avaliações de especialistas, critérios científicos e dados técnicos. A situação é monitorada pelo governo todos os dias, em tempo real. Quaisquer alterações nos protocolos vigentes serão publicadas no Diário Oficial”, afirmou a assessoria do governador, em nota.

Leia Também:  Chuva coloca a capital paulista em estado de atenção para alagamentos

Ao prorrogar o decreto, no dia 19, ele afirmou que “começará a liberar os setores prejudicados” se não houvesse piora nos índices de covid. Atualmente, a taxa de ocupação dos leitos de UTI na rede pública está em 96%. Segundo a Secretaria de Saúde do DF (SES), foram registrados 1.805 novos casos nas últimas 24 horas.

Edição: Pedro Ivo de Oliveira

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Avatar

Propaganda
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário Login

Deixe uma resposta

BRASIL

Governo Federal envia 93 mil kts com medicamentos a 69 hospitais no Sul do país

Avatar

Publicados

em

O Governo Federal, por meio do Comando Millitar do Sul, fez o envio de 93 mil kits contendo medicamentos para atender pacientes que estão internados no Sul do país.

O tenente Fábio Almeida, do Comando Militar do Sul, disse que a ação vai beneficiar 69 hospitais em 52 municípios gaúchos, que vão atender pacientes que estão internados em Unidades de Terapia Intensiva devido a Covid-19.

De acordo com o Comando Militar do Sul, este é o maior número de medicamentos já transportados pelo comando desde o início da pandemia.

 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Operação Carnaval registra 77 mortes e 789 acidentes em rodovias
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA