Menu...

20 de agosto de 2019

câmbio

Dólar em alta pode reduzir ritmo de importações

O novo nível da taxa de câmbio deve impactar negativamente a compra de produtos de fora do país, segundo a Associação de Comércio Exterior do BrasilSão Paulo – O novo patamar do câmbio pode interromper o aumento do déficit na balança comercial de manufaturados neste ano. Na avaliação do presidente da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), José

Dólar sobe pelo segundo dia seguido e encosta em R$ 2,30

O dólar comercial fechou em alta de 0,34% nesta terça-feira (26), a R$ 2,296 na venda. A alta foi influenciado por uma saída pontual de dólares do país.Além disso, os investidores estavam pessimistas com a situação fiscal brasileira. Na sexta-feira (29), o Banco Central divulga os dados de outubro do resultado primário do setor público