3:11 pm - quinta-feira novembro 22, 3703

Depois de matar mãe e filha a marretadas, homem é encontrado morto em cela de presídio no MA

Edição e postagem: Denison Duarte, em 16-10-2017 21:04 | Última modificação: 16-10-2017 23:23
Hospital de Olhos

O homem que matou duas mulheres a marretadas na cidade de Codó no Maranhão foi encontrado morto com sinais de enforcamento neste domingo (15) na cela do presídio onde estava.

A polícia ainda acredita na possibilidade de o preso ter sido morto por outros detentos. Ele, que teria se identificado como Antônio Bezerra de Jesus, teve confirmada a sua verdadeira identidade que é Elinaldo Pereira Gomes, de 53 anos.

A descoberta foi feita durante as investigações da Polícia Civil. Elinaldo Gomes já havia sido condenado a 20 anos de prisão por prática de estupro e assassinato de uma criança no estado do Pará.

Ele teria assassinado uma mulher e sua filha a golpes de marretada na manhã do dia 9 de outubro, segunda-feira, quando teriam se envolvido em uma discussão sobre uma suposta fraude de empréstimo bancário. Segundo ele, uma das vítimas havia usado o seu nome para conseguir o golpe.

A policia ao ser acionada chegou ao local do crime no exato momento em que o suspeito estava abrindo as covas onde enterraria as suas vítimas.

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE