AMARANTE

Notícias de Bom Jesus

Polícia Militar inaugura Pelotão Mirim em Bom Jesus

Publicado em

Notícias de Bom Jesus


O Governo do Piauí, por meio da Polícia Militar (PM-PI), entregou, nesta quarta-feira (27), para o município de Bom Jesus, o Centro de Instrução e Assistência Social Cap PM RR Francisco Batista Soares – “Pelotão Mirim”. O comandante da PM, coronel Lindomar Castilho, esteve à frente da inauguração com o major Evandro Rodrigues.

“Essa obra aqui vai cuidar daquilo que é mais sagrado, que são as nossas crianças, o nosso futuro, e por isso mesmo quero parabenizar todos os que se empenharam para essa realização em Bom Jesus. Agradecer ao governador Wellington Dias, a cada policial militar que se comprometeu, ao nosso então secretário da Segurança, Fábio Abreu, no passado, e agora ao atual secretário coronel Rubens Pereira. Aqui vamos cuidar e estamos matriculando 240 crianças, um local onde haverá aulas de cidadania, refeitório e tudo aquilo que é importante para suas vidas e que possa ajudar suas famílias”, disse Lindomar Castilho.

O major Evandro Rodrigues informou que o Pelotão terá uma estrutura adequada para receber as crianças. “A nossa sede conta com uma sala de coordenação, duas salas de instruções, cozinha, dispensa, um banheiro feminino, banheiro masculino e também refeitório com área para o lanche. Além disso, teremos seis instrutores, psicólogo, educador físico e pedagogo que irão desenvolver atividades variadas com nossos pequenos piauienses”, afirmou.

Leia Também:  Prefeitura aciona Ministério Público e Polícia Civil para investigação de vaquejadas em Bom Jesus

São 240 crianças matriculadas, mas, por conta da pandemia, deverão ser recebidas, no máximo, 160 crianças com a data de início ainda a depender da coordenação dos Pelotões Mirins. “Todo esse trabalho é para garantir que amanhã tenhamos adultos com mais respeito aos direitos, cidadania, prevenindo a violência na sociedade”, reiterou Evandro Rodrigues.

As atividades do projeto Pelotão Mirim, na cidade de Bom Jesus, tiveram início na época em que lá funcionava a 2ª Companhia do 7º Batalhão da Polícia Militar. As instruções eram ministradas param 200 crianças na Escola Municipal Marlene Piauilino e na Escola Municipal Joaquim Rosal Sobrinho, durante o ano de 2013. No entanto, as atividades foram suspensas em 2014, retornando em maio de 2015, com atendimento de 60 crianças por meio de instruções realizadas na sala de aula da sede da 2ª Cia/7º BPM.

Fonte: Redação Ccom
Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Notícias de Bom Jesus

MPPI recomenda que Vivo instale sistema de proteção contra descargas atmosféricas em Bom Jesus

Publicados

em

O Ministério Público do Piauí, por meio da Promotoria de Justiça Regional de Bom Jesus, expediu recomendação administrativa destinada à empresa Telefônica Brasil S.A. / Vivo S.A, para que realize a instalação do Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA), na torre de Estação de Rádio Base (ERB), localizada no município de Bom Jesus.

Foi produzido um laudo técnico de engenharia sobre possíveis anomalias relacionadas à infraestrutura de suporte da torre telefônica. De acordo com análise estrutural, não há risco para os imóveis e moradores do entorno. Porém, existe possibilidade de desastre quanto a descargas atmosféricas (raios), já que a estrutura é construída em material condutor de eletricidade. Além disso, foi constatada a ausência de para-raios.

Nas considerações da recomendação, o promotor de Justiça Márcio Carcará, autor do documento, destaca a importância da instalação do Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas para proteção da torre de telefonia.

“As descargas atmosféricas são ameaças para torres de telecomunicações e torres de rádio e TV, e ameaçam também a segurança de pessoas, edifícios, prédios, tanques, tubulações etc. A função do Sistema de Proteção contra Descargas Atmosféricas (SPDA) é evitar/minimizar os danos materiais e incêndios em edificações, protegendo também as pessoas que estão dentro da edificação e as instalações internas e equipamentos eletroeletrônicos”, destaca.

Leia Também:  Sem habilitação, condutor embriagado é preso no Piauí dirigindo veículo com "som muito alto"

A Promotoria de Justiça fixou o prazo de cinco dias úteis para que os destinatários se manifestem sobre o acatamento da recomendação, advertindo que o descumprimento dos termos pode implicar na adoção das medidas administrativas e judiciais cabíveis.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA