AMARANTE

GERAL

Polícia faz operação contra roubos a residências de alto padrão no Rio

Publicado em

GERAL


Policiais civis do Rio de Janeiro e do estado de Minas Gerais participam hoje (10) da Operação Esquema Preferido para desarticular uma organização criminosa que pratica roubos a residências de alto padrão nos dois estados. De acordo com a Secretaria de Polícia Civil (Sepol) do Rio, já foram cumpridos sete mandados de prisão. Além disso, foi capturado um outro foragido da Justiça do Rio pelo crime de homicídio. A Operação se desenvolve nas cidades de Juiz de Fora e de Divino, em Minas Gerais.

A ação tem o apoio de policiais do 38º Batalhão da Polícia Militar Rio de Janeiro, da Polícia Rodoviária Federal e de integrantes do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público dos dois estados. As forças de segurança também participaram da investigação, que começou depois do maior roubo da história do município de Paraíba do Sul, em março deste ano. Conforme a secretaria, os policiais informaram que um empresário foi mantido refém pelos criminosos armados, que levaram da residência dele “uma quantia milionária de dinheiro em espécie”.

Leia Também:  "G8 papal" quer redigir nova constituição para o governo da Igreja Católica

A identificação do grupo especializado neste tipo de roubo, formado por criminosos de Minas Gerais, foi feita por meio de um trabalho de inteligência da 107ª Delegacia de Polícia (DP) de Paraíba do Sul, da Polícia Civil do Rio de Janeiro. “Eles escolhiam e estudavam os alvos de forma criteriosa, organizando todos os detalhes do crime. O modus operandi era manter as vítimas reféns por várias horas, sob a mira de armas, até que todo o dinheiro e joias fossem localizados. Os valores subtraídos eram investidos no tráfico de drogas ou na aquisição de carros importados, jet skis, viagens e outros bens e artigos de luxo”, informou a Sepol.

O nome dado à operação de Esquema Preferido foi porque a quadrilha investigada se dedicava a diferentes modalidades criminosas, incluindo tráfico de drogas, que é objeto de investigação da Polícia Civil de Minas Gerais, mas o roubo a residências se tornou a atividade mais rentável dos criminosos.

A delegada Cláudia Abbud, titular da 107ª DP (Paraíba do Sul), e representantes das outras forças de segurança que participam da operação vão dar uma coletiva, às 15 horas, no Teatro Municipal de Paraíba do Sul, para dar informações sobre o resultado da ação de hoje.

Leia Também:  Incêndio atinge Arena Pantanal, em Cuiabá; não houve registro de feridos

Edição: Valéria Aguiar

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

GERAL

Nova espécie de sapo é descoberta na Mata Atlântica

Publicados

em


Uma nova espécie de “sapinho-pingo-de-ouro” foi descoberta na Mata Atlântica. O animal é o sexto de um grupo específico deste tipo de sapo e foi batizado de Brachycephalus ibitinga. O estudo foi desenvolvido por pelo menos 7 anos, envolveu diversos pesquisadores e foi liderado por Thais Condez, da Universidade do Estado de Minas Gerais (UFMG). A descrição do vertebrado reforça a importância das Unidades de Conservação.

A espécie foi encontrada no trecho paulista da Serra do Mar, o entorno de uma das maiores regiões metropolitanas do mundo. “[Isso] mostra o quanto a gente ainda tem a descobrir a respeito da nossa biodiversidade, mesmo com o avanço das cidades, mesmo com as dificuldades todas de conservar, de proteger a biodiversidade, a gente ainda tem boas surpresas”, apontou o biólogo Leo Malagoli, gestor de Unidades de Conservação da Fundação Florestal de São Paulo e co-autor do estudo.

Características da nova espécie

O animal possui a região da cabeça e do dorso cobertas por placas ósseas fluorescentes. De acordo com os pesquisadores, isso deve ser importante para a comunicação, seja entre eles ou com predadores. O sapo descoberto tem menos de 2 centímetros quando adulto. “As placas ósseas são diferentes das outras espécies, porque possuem margens irregulares, é meio recortado, e tem uma linha muito tênue que margeia essas placas e é uma linha mais pálida, dá pra gente chamar de esbranquiçada”, descreve o biólogo.

Leia Também:  Pandemia praticamente paralisa produção de automóveis em abril

O DNA também foi um aspecto analisado pelos cientistas para descrever o novo animal. Além disso, observou-se diferença na vocalização, a forma como o sapinho coaxa. “Você se lembra de relógio de corda? Pensa quando está dando a corda no relógio, é meio parecido com o canto dessa espécie. Baixinho, mas com atenção você consegue ouvir.”

Malagoli explica que, na floresta, ele habita o folhiço ou a serrapilheira, que são as folhagens que ficam no chão da mata. “É uma espécie que você não enxerga andando na trilha. Você tem que agachar, revolver parte da serrapilheira para poder encontrar”, explica. Ainda não há estudos sobre a densidade populacional do novo sapinho, mas o pesquisador adianta que ele ocorre em baixa densidade.

Habitat

A nova espécie pode ser encontrada em diversas Unidades de Conservação localizadas no entorno das Regiões Metropolitanas de São Paulo e da Baixada Santista, como Parque das Neblinas, Parque Natural Municipal Nascentes de Paranapiacaba, Reserva Biológica do Alto da Serra de Paranapiacaba, Núcleos Bertioga, Caminhos do Mar, Itutinga-Pilões e Curucutu do Parque Estadual Serra do Mar, além do Parque Natural Municipal Varginha. 

Leia Também:  País deve abrir 159 mil vagas para o Natal

“São espaços protegidos que essas espécies novas costumam sofrer menos esses impactos humanos”, aponta. Ele avalia que a descoberta mostra as oportunidades do que ainda pode ser descoberto, mas, ao mesmo tempo, “acende um alerta: bom, a gente precisa conservar”. 

O pesquisador destaca os benefícios para o meio ambiente e para os seres humanos. “Eles fazem o controle de inúmeros insetos, fazem parte da cadeia alimentar e essa espécie de sapinho, assim como outras, tem um verdadeiro arsenal químico na pele”, enumera. Malagoli explica que novas descobertas permitem encontrar compostos químicos que podem contribuir para, por exemplo, produção de medicamentos.

Edição: Nélio Neves de Andrade

Fonte: EBC Geral

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA