Menu...

Última Notícia

12 de dezembro de 2017

TCE/PI lança portal e cria rede social para denunciar gestores


Hospital de Olhos

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) lançou na manhã desta segunda-feira (12) o portal “Mais Cidadania”, divulgando dados dos 224 municípios e do governo do Estado. O Tribunal anuncia ainda que será lançada uma rede social para que o cidadão no município denuncie gestores corruptos. O acesso será liberado para o público na próxima segunda-feira através do site do TCE.

O portal da transparência do TCE terá dados como despesa, receitas, licitações, obras, empresas, folha de pagamento, credores, indicadores dos municípios, cargos municipais e ocupações e as leis e documentos do município. O site terá também dados sobre os 10 maiores credores dos municípios e os 10 elementos de despesas mais relevantes da prefeitura.

A presidente do TCE, Valtênia Alvarenga, informou que o portal é uma ferramenta de combate a corrupção e dá oportunidade para o cidadão fiscalizar e participar das políticas públicas. “Vamos disponibilizar informações importantes. É um mecanismo de coibir o desvio de recursos públicos”, disse a presidente.

O gestor do Núcleo de Gestão Estratégica da informação, José Inaldo de Oliveira Silva, fez a apresentação do portal para a imprensa e os conselheiros, ele garante que o portal é de fácil acesso e com uma linguagem simples e acessível.

Será disponibilizado ainda pelo TCE, uma ferramenta chamada, “De Olho na Cidade”, que foi criada pelos servidores da Uespi.

Será criada uma rede social para cadastrar pessoas que moram no próprio município para que possam repassar informações para o tribunal. O diretor de informação do TCE, Ricardo Almeida, informou que as pessoas irão passar por critérios para que possam fazer parte da rede.

“É um mecanismo para facilitar a interação das pessoas que estão no dia-a-dia do município reforçando o trabalho de fiscal e ajudando o tribunal”, acrescentou.

Segundo o diretor, as pessoas que usarão a rede deverão ter entre os critérios, ser pessoas isentas, que não sejam partidárias e que não seja funcionário público. O núcleo de inteligência do TCE, irá fazer a triagem das denúncias que irão chegar ao Tribunal.

Fonte: Cidade Verde

Radar Financeira

Tags: , , , ,

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE