Menu...

Última Notícia

11 de dezembro de 2017

Piauí recebe projeto de energia solar da Espanha


Hospital de Olhos

Energia renovável, com a utilização de tecnologia fotovoltaica que representa uma alternativa limpa, aproveitando o grande potencial solar do Estado do Piauí. Esta é a proposta de um grupo espanhol que esteve na Secretaria Estadual do Meio Ambiente e Recursos Hídricos – SEMAR, apresentando o projeto para o futuro secretário Ziza Carvalho e equipe técnica.

O empreendimento deverá ser fixado na região de São João do Piauí, a 470 quilômetros da capital. A sede da planta será no município de Pedro Laurentino. A instalação vai possibilitar mais geração de emprego e renda. Junto a SEMAR o grupo responsável pelo projeto busca informações necessárias para solicitar as licenças ambientais para instalação, atendendo a uma das mais rigorosa legislação ambiental do país que é a do Piauí. A previsão é para que em maio sejam solicitados os devidos documentos junto ao Piauí, uma vez que o grupo interessado em investir no setor estará participando de um leilão nacional de energia solar.

De acordo com o projeto a planta projetada irá cobrir as necessidades energéticas da região e ao mesmo tempo impulsionar o mix de geração, reduzindo a proporção de combustíveis fósseis com uma geração mais limpa.

“Neste primeiro momento, estamos atendendo aos investidores e analisando, juntamente, com a equipe técnica, a proposta do projeto de energia solar. Já temos a informação da localização do terreno, onde se propõe a instalação da usina. Uma área de aproximadamente, 700 hectares. O governo do Piauí tem interesse nos novos investimentos, mas seguindo a legislação e a empresa responsável veio junto a SEMAR para tratar sobre a nossa legislação”, enfatiza Ziza Carvalho.

A área que deverá ser utilizada para o projeto de energia solar fica localizada a 11 km da sede do município de São João do Piauí e possui uma cobertura de vegetação que pode ser denominada de caatinga arbustiva.

O projeto instalação vai proporcionar a conversão da energia proveniente do sol em energia elétrica alternativa, trifásica e em baixa tensão, a 275 V, que através dos centros de transformação elevarão o nível de tensão a 13,8 KV. Posteriormente, a tensão será elevada a 230KV na subestação e se conectará a linha aérea da rede de distribuição existente.

Essa energia procedente da radiação solar será convertida em energia elétrica no formato de corrente continua, através de uma série de painéis solares dispostos em número apropriado em série. Ainda, de acordo com o projeto, a instalação fotovoltaica projetada incorporará todos os elementos necessários para garantir em todo momento a proteção física das pessoas, fornecer qualidade e não causará danos à rede.

Além da equipe técnica da SEMAR, também participaram da reunião, o gerente comercial do grupo espanhol, Marcelo Vinicius e o advogado Thiago Resende.

Fonte: Cabeça de cuia

Radar Financeira

Tags: , ,

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE