Menu...

Última Notícia

15 de dezembro de 2017

Fórum em Oeiras vai discutir o Futuro do Piauí


Hospital de Olhos

Que atividades econômicas poderão impulsionar o desenvolvimento do Piauí? Quais as vocações e gargalos que o Estado tem pela frente? Que potenciais o Vale do Canindé oferece para, integrado aos demais Territórios de Desenvolvimento, se consolidar economicamente? São com estas e outras indagações que a Secretaria de Planejamento vai debater o futuro do Piauí durante o fórum “Piauí 2050 – o futuro que a gente quer”, etapa para a elaboração do Plano de Desenvolvimento Econômico Sustentável(PDES). O evento será realizado no dia 21 de janeiro, a partir das 8h, no Cine Teatro, no Centro Histórico, em Oeiras.

De acordo com o secretário de Planejamento, Cezar Fortes, no debate será possível extrair da sociedade quais os anseios e as demandas para um Piauí melhor para as próximas gerações. “Com o PDES, vamos pensar estrategicamente que prioridades vamos focar para impulsionar o desenvolvimento do Estado, como a gente quer o Piauí no futuro, com mais qualidade de vida para os piauienses”.

O PDES está em fase avançada de finalização dos trabalhos, devendo ser entregue ao final de março. “Estamos com um ritmo acelerado de elaboração do documento, com a apresentação de uma carteira de negócios e sua pré-viabilidade econômica e financeira, a partir das prioridades apontadas por nós, piauienses, com objetivo claro de estimular continuadamente o desenvolvimento do Piauí”, disse o secretário. Fortes afirma ainda que os indicadores sociais e econômicos apontam que o Estado estará, até 2050, “sem sombra de dúvidas, entre os três do Nordeste”.

Com grandes potenciais econômicos, colocando o Piauí como referência em setores como o agronegócio, a mineração, a energia renovável e o capital humano, além de infraestrutura e logística, no Plano serão apresentadas carteiras de negócios para atração de investimentos para o Estado. “O que já está acontecendo. Somente em energia renovável, o Piauí é a bola da vez, com potencial de energia limpa que ultrapassa os 2.000MW e mais de R$7bilhões em investimentos, já feitos ou em andamento, com especial destaque na região do semiárido”, explica.

O Fórum já foi realizado em Parnaíba, Bom Jesus, Piripiri e Picos, com agenda para Valença e São João do Piauí, nos próximos dias 23 e 29 de janeiro, respectivamente. “Queremos ouvir da sociedade piauiense, em todos os cantos do Estado, qual o Piauí que queremos”, afirma Fortes. O primeiro evento foi realizado em Teresina, na primeira etapa em que a sociedade contribuiu na elaboração do PDES.

Para participar do fórum, o interessado deve fazer previamente a inscrição na Seplan, nos telefones 86 3221 5338/8851 2194. E no email planejamentoparticipativo@seplan.pi.gov.br. O evento é gratuito e ao final, os participantes receberão certificados.

São considerados segmentos estratégicos para o desenvolvimento do Estado: agronegócio (soja e outros), mineração, energias renováveis (solar, eólica e biomassa), infraestrutura de transporte e logística (viária, portuária, aeroportuária, portos secos e terminais multimodais), educação,cultura, programas associados(Arranjos Produtivos Locais – APLs e Ciência & tecnologia) e turismo.

Programação:

8h – Abertura oficial
8h30 – Palestra: O Piauí hoje – Secretário de Estado do Planejamento Cezar Fortes
10h – Intervalo
10h30 – Palestra: Panoramas Setoriais – Diagonal Consultoria
Debate
12h – Mesa redonda: Síntese da Visão de Futuro – Diagonal Consultoria
12h30 – Encerramento

Fonte: Mural da Vila


Tags: , ,

Comente aqui

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE