Menu...

18 de junho de 2018

Agentes públicos terão curso sobre noções básicas de prevenção às drogas no Piauí


Hospital de Olhos

O coordenador geral de Enfrentamento às Drogas (CEDrogas), Sâmio Falcão, se reuniu nesta terça-feira (12), com representantes da Federação Piauiense de Comunidades Terapêuticas, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/PI), Polícia Federal, Secretaria da Segurança Pública, Secretaria da Assistência Social e Cidadania do Estado do Piauí e Polícia Rodoviária Federal. O objetivo do encontro foi debater a forma de atuação do Curso de Noções Básicas de Prevenção às Drogas, em conjunto com todas as instâncias envolvidas.

O curso visa orientar e capacitar agentes públicos que trabalham direta, ou indiretamente, na prevenção e cuidado de problemas relacionados ao consumo de drogas, como agentes de saúde, conselheiros tutelares, psicólogos, assistentes sociais e educadores da rede pública de ensino.

“Chamamos hoje os representantes dos órgãos colaboradores para acertamos os detalhes e pôr em prática o curso. Questões como a data de início, material didático e a cidade onde o pontapé inicial deve ser dado serão aqui discutidos para depois definirmos o calendário. Após essa definição, iremos procurar os prefeitos de cada município para oferecermos o curso e analisar o interesse de cada um. Nossa expectativa é de que já possamos iniciar as atividades ainda neste primeiro semestre.” explica o coordenador.

Para o representante da Federação Piauiense de Comunidades Terapêuticas, Fernando Bemvindo, o encontro é essencial para que a equipe possa trabalhar de maneira mais harmônica. “O assunto é um só: a política sobre drogas. Mas aqui nós podemos interagir e definir o plano de atuação que melhor irá desenvolver o projeto, dando visibilidade ao trabalho de cada parceiro”, pontuou.

O prazo de vigência dos termos de cooperação entre a CEDrogas e instituições parceiras será de um ano, podendo ser prorrogado por mais doze meses.

Em um primeiro momento, o curso deve atender município da região da Grande Teresina, podendo, posteriormente, ser expandindo para cidades das demais regiões do estado.

Fonte: Governo do Piauí

Tags: , ,

Comente aqui

id, leo. ut suscipit elit. ipsum nec elementum pulvinar Lorem