AMARANTE

PIAUÍ

Piauí recebe lote com mais de 70 mil doses de vacinas contra Covid-19 nesta sexta (30)

Avatar

Publicado em

PIAUÍ


O estado do Piauí vai receber, do Ministério da Saúde, mais um lote de vacinas para o combate à Covid-19. As 71.650 doses fazem parte da 15ª remessa de vacinas para imunização contra a Covid-19.

Ao todo, serão 70.250 vacinas AstraZeneca/Fiocruz, para a primeira dose de 48% do grupo de 60 a 64 anos e para 6% do público de forças de segurança e salvamento e para as forças armadas.

“Todas as doses desta remessa serão utilizadas para as primeiras doses desses grupos. Com isso, poderemos progredir ainda mais com a imunização da população piauiense e dar continuidade na imunização dos servidores da segurança”, lembra o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto.

A décima quinta remessa chegará ao estado na madrugada desta sexta-feira (30), e também conta com 1.400 doses da vacina Sinovac/Butantan, destinada a 1% dos idosos de 60 a 64 anos. “Com essas doses, que vamos receber e demais que o estado distribuirá, iremos conseguir imunizar toda a população de 60 a 64 anos”, destaca o gestor.

Leia Também:  Bandidos assaltam loteria e supermercado em Geminiano

Segundo os dados do Vacinômeto da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi), o Piauí já recebeu 785.480 doses do Ministério da Saúde. Foram distribuídas aos municípios 756.012, contando com uma reserva técnica de segurança de 29.468.

Os municípios já aplicaram 405.857 primeiras doses e 203.403 segundas doses. Atualmente estão com as secretarias municipais de saúde 146.462 doses para primeira e segunda aplicação. Já foram vacinados com a primeira dose 12,37% do público piauiense e com a segunda dose 6,20%.

Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

PIAUÍ

Defensoria torna pública Resolução com regulamento do concurso para ingresso na carreira de Defensor Público

Avatar

Publicados

em


Instituição fará concurso em 2021

O Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado do Piauí tornou pública a Resolução CSDPE Nº 141/2021, de 06 de maio de 2021, que aprovou o regulamento do IV Concurso para Ingresso na Carreira de Defensor Público do Estado do Piauí. A referida Resolução está publicada no Diário oficial do Estado Nº 92, de 7 de maio de 2021.

De acordo com a Resolução CSDPE Nº 141/2021, será constituída Comissão que se incumbirá  de todas as providências necessárias à realização do concurso, que será divulgado por meio de Edital publicado no Diário Oficial do Estado.

Todos os atos relativos ao andamento do concurso serão divulgados no site da Defensoria Pública www.defensoria.pi.def.br, assim como da empresa/entidade contratada para organizar o certame, também serão publicados no Diário Oficial do Estado pela Comissão Organizadora, que será presidida pelo defensor público geral.

Além do presidente, três membros da Defensoria Pública, indicados pelo Conselho Superior, integrarão a Comissão que contará ainda com um advogado titular e um suplente, indicados pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí.

Leia Também:  Bandidos assaltam loteria e supermercado em Geminiano

O Edital de Abertura do Concurso para ingresso na carreira de defensor público do Piauí indicará, obrigatoriamente o número de vagas a serem preenchidos na carreira inicial; os programas sobre os quais versarão as provas; os critérios para avaliação das provas e dos títulos; o prazo para as inscrições provisórias, que não poderá ser inferior a 30 (trinta) dias; as demais determinações, condições ou exigências necessárias para a condução adequada do concurso. O referido Edital será publicado com antecedência mínima de 30 (trinta) dias antes da realização das provas.

O Edital também regulamentará a inscrição, participação e nomeação,  pelo  sistema  de  reserva  de  vagas,  para  as  pessoas  com deficiência, negras, quilombolas e indígenas, assegurando ainda  a  possibilidade  de  uso  do  nome  social  à travestis, transexuais e transgêneros durante o concurso,  entendendo-se por nome social  o  nome  adotado  pela  pessoa,  pelo  qual  se  identifica  e  é identificada na comunidade. Nesse caso específico, a pessoa interessada deverá indicar seu nome social no formulário de inscrição e este será  o único nome a ser divulgado em toda e qualquer publicação referente ao certame, devendo ser mantida em rigoroso controle interno a correlação entre o nome civil e o nome social da candidata ou candidato.

Leia Também:  Ceir Móvel: quase 20 mil equipamentos entregues em todo o Estado

A Resolução pode ser conferida na matéria no site da Defensoria Pública: www.defensoria.pi.def.br

Fonte: Governo PI

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

PIAUÍ

POLÍCIA

POLÍTICA

MAIS LIDAS DA SEMANA