Menu...

21 de setembro de 2018

Microsoft: updates do Windows 10 Mobile vão atropelar as operadoras


Hospital de Olhos

Uma coisa que eu sempre tirei o chapéu para Steve Jobs: quando ele lançou o iPhone no longínquo ano de 2007, houve uma verdadeira queda de braço entre ele e as operadoras; elas queriam controlar todas as minúcias das atualizações do iOS, se dando o direito de customizá-las a seu bel prazer.

Jobs bateu o pé e não deixou ninguém colocar a mão. É compreensível, visto que fora a Apple ninguém acreditava que o iPhone daria certo. O tempo mostrou quem tinha razão.

Isso é algo que usuários do Android e do Windows Phone invejam profundamente no iOS, porque além das operadoras ainda têm os fabricantes para se preocuparam, as atualizações dos sistemas possuem duas paradas obrigatórias, isso quando as empresas resolvem liberar os updates e não decidem matar esse ou aquele smartphone, em prol de modelos mais novos.

Enquanto o Google não consegue mudar essa situação, a Microsoft decidiu que a partir de agora com o Windows 10 Mobile a coisa vai mudar de figura: as atualizações chegarão aos aparelhos que forem elegíveis, doa a quem doer.

Isso na verdade é o cumprimento de uma promessa feita em 2010, quando o Windows Phone foi introduzido. Infelizmente Redmond não conseguiu dobrar as operadoras norte-americanas e se submeteu ao processo já estabelecido no Android. Agora, com a estratégia de unificar desktop, mobile e outros dispositivos (do Xbox One aos concorrentes) a Microsoft não pode se dar ao luxo de deixar o controle das atualizações nas mãos de terceiros. É fazer isso e comprometer toda a experiência.

Numa postagem no blog do Windows do dia 04 de maio, o VP de software Terry Myerson esclareceu alguns aspectos do Windows Update para Business, e afirmou o seguinte:

O processo de atualização contínua se aplica a todos os dispositivos Windows 10, smartphones inclusos.

A notícia parece meio antiga, mas foi então que a Microsoft confirmou ao ZDNet que o procedimento se aplica a toda a família de dispositivos, não apenas os voltados para o mercado corporativo. Isso significa que se seu Lumia roda ou rodará o Windows 10, ele VAI ser atualizado pela própria Microsoft e ao menos na teoria, as operadoras não mais meterão a mão.

A fragmentação do Windows Phone, embora menor do que a do Android incomoda e muito a Microsoft. Por exemplo, aqui no Brasil o Lumia 635 da Vivo ainda não viu a cor do update Denim. O 930 da mesma operadora só recebeu o update ontem, enquanto os mesmos modelos já contavam com a atualização há tempos em outras operadoras. E nos EUA não é muito diferente disso.

Ninguém gosta de depender das operadoras e fabricantes para contar com updates, e se a Microsoft finalmente cumprir o que promete teremos aparelhos Windows 10 Mobile sempre atualizados em nossas mãos, o que é excelente.

Fontes: Windows Blog e ZDNet.

Denison Duarte – Amarante (PI)

Tags: ,

Comente aqui

felis dolor pulvinar Phasellus risus. accumsan in venenatis, ipsum libero