Covid-19: OMS aponta presença da variante de Manaus em oito países

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou em seu informe epidemiológico sobre a covid-19 que a variante do coronavírus identificada em Manaus já chegou a oito países: Brasil, Japão, Estados Unidos, Reino Unido, Itália, Alemanha, Coreia do Sul e Irlanda.ebc Covid-19: OMS aponta presença da variante de Manaus em oito paísesebc Covid-19: OMS aponta presença da variante de Manaus em oito países

No documento, a OMS manifestou preocupação com a evolução da disseminação da variante, por seu risco de maior transmissibilidade e reinfecção. Estudos adicionais são necessários ainda para entender melhor o impacto da variante, especialmente da resistência dela a vacinas contra a covid-19.

A variante encontrada no Reino Unido (202012/01) foi detectada em 70 países, tendo atingido 10 novas nações na última semana. Já a variante notificada inicialmente na África do Sul (501Y.V2) foi detectada em 31 países, com oito novos tendo informado a presença desse tipo na última semana.

Segundo a OMS, a circulação das variantes evidencia a importância das pessoas, mesmo aquelas já infectadas anteriormente, aderirem às medidas de prevenção (como distanciamento social e higienização das mãos e superfícies).

Também é necessário que os países ampliem a capacidade de diagnóstico e de sequenciamento do vírus onde for possível. No Brasil, o Ministério da Saúde segue distribuindo testes RT-PCR, os realizados em laboratório, mas passou a recomendar os diagnósticos clínicos, sem exames laboratoriais.

Ranking de novos casos

O Brasil foi o segundo país com mais casos novos de covid-19 na última semana (360.428, aumento de 5% sobre a semana anterior), atrás apenas dos Estados Unido (1,25 milhão, decréscimo de 20% sobre a semana anterior).

Em todo o mundo, foram registrados 4,1 milhões de novos casos. O resultado marcou uma queda de 15% sobre a semana anterior. Foi a segunda semana seguida de redução dos novos casos, após um alto acréscimo decorrente da virada do ano. As Américas seguem como a região com maior número de novos casos, seguida pela Europa e pelo Sudeste Asiático.

Já o número de novas mortes confirmadas foi de 96.000, o mesmo desempenho da semana anterior. Nas Américas, foi reportado aumento de 4%. Já na Europa, no Sudeste Asiático e no Pacifico Ocidental houve queda nos novos óbitos.

Edição: Maria Claudia

Fonte: EBC Saúde

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist