Menu...

16 de agosto de 2018

Suspeitos de arrastão em Água Branca trocam tiros com a polícia em Lagoinha


Hospital de Olhos

SUSPEITO DE ARRASTÃO – Depois de denúncias de que suspeitos em um veículo Fox, de cor vermelha, estariam realizando assaltos em Água Branca por volta das 20h30 dessa segunda-feira (20), a Guarnição da Força Tática fez uma barreira para a captura dos envolvidos.

A denúncia chegou à polícia por denúncia de uma das vítimas, que teria ficado sem o celular em um assalto à mão armada. “Os suspeitos usaram uma arma de fogo na prática. Nesse momento repassamos a informação a todo o policiamento do Médio Parnaíba. Fizemos também uma barreira na entrada da cidade de Água Branca no intuito de abordar o veículo”, disse o soldado Jorge, da Força Tática.

Ao serem avistados, os suspeitos empreenderam fuga e foram perseguidos pela guarnição. A Força Tática determinou parada, instante em que o motorista simulou que ia encostar o veículo e entrou em um matagal. “O passageiro desceu atirando contra a guarnição e revidamos acertando o veículo ocupado pelos acusados. Nesse instante percebemos dois elementos fugindo para o matagal entre o município de Lagoinha e o bairro Sol Nascente daquela cidade”, completou.

Policiais do Médio Parnaíba deram suporte e montaram barreiras para tentar capturar os suspeitos. Os elementos estiveram foragidos, escondidos na mata, mas um deles, identificado apenas como Eduardo, foi preso. Os policiais recuperaram ainda cinco aparelhos celulares e o veículo Fox vermelho, que havia sido roubado no município de Timon-MA no dia 15 de março, quinta-feira.

De acordo com informações, Eduardo era o condutor do veículo. Ele foi preso pelos cabos Silva Neto, de Monsenhor Gil e pelo sargento Cardoso, que passava no instante da prisão.

Participaram da ação alunos do Centro de Formação de Cabos (CFC) Marcos e civagno e o soldado Jorge – da Força Tática.

Veículo abandonado pelos suspeitos de arrastão

Tags:

Comente aqui

sed elementum pulvinar Donec felis in ut libero. vel,