Preso é flagrado com celular na cueca durante audiência em Campo Maior

Um dos presos acusados de assaltar um ônibus da empresa Guanabara, há cinco meses, foi flagrado com um celular e cinco baterias carregadas escondidos dentro da cueca durante audiência de Instrução e Julgamento, no Fórum de Campo Maior. O aparelho telefônico foi encontrado após audiência, quando os detentos eram encaminhados à viatura, para retornar ao penitenciária Irmão Guido.

Antônio Francisco Barbosa Lima, Francisco Lins de Oliveira, Josivan Medeiros, e Antônio Alberto são acusados de participar da ação criminosa, em outubro de 2013, que terminou ainda com um passageiro baleado.

“Eles já haviam participado da audiência e estavam retornando ao presídio, quando agentes penitenciários realizaram vistoria e encontraram os objetos. Antônio Alberto assumiu ser responsável pelo celular e carregadores”, explica o chefe de cartório, do 1º DP de Campo Maior, Baker Martins.

Os detentos foram levados para o 1º Distrito Policial, onde serão interrogados pela delegada Thaís Lages Paz, que deverá juntar provas ao processo.

“A polícia civil deverá abrir o inquérito para saber quem repassou o celular para o acusado, que responde juntamente com os demais pelos crimes de roubo e formação de quadrilha”, reitera Martins.

De acordo com os agentes penitenciários Grupo Especial de Operações- GEO, foram ouvidas 15 testemunhas no processo, mas a audiência foi suspensa, no momento da apreensão pelo juiz Edson Alves, e será retomada no próximo dia 02 de maio.

Fonte: Cidade Verde

Preso 2

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *