Menu...

17 de julho de 2019

Polícia Federal desarticula quadrilha que fraudava benefícios do INSS no PI e MA


Hospital de Olhos

Publicidade

A Polícia Federal deu início nesta quarta-feira (15) à operação Grande Família contra fraudes em benefícios previdenciários. A ação visa cumprir 21 mandados de prisão e 31 de busca e apreensão em todo o estado do Piauí e no Maranhão.

Um dos objetivos é a desarticulação de uma quadrilha formada por estelionatários e servidores públicos que atuam na falsificação de documentos em nomes de beneficiários falecidos.

Segundo informações do G1/PI, os envolvidos no golpe faziam abertura de contas, enquanto servidores do INSS que integravam a quadrilha transferiam os benefícios do Maranhão para o Piauí.

Publicidade

A Polícia Federal informou que foram fraudados 639 benefícios previdenciários, que já tiveram ordem de suspensão da Justiça Federal. A medida, segundo a PF, vai evitar um prejuízo estimado de R$ 80 milhões.

Das 5h30 às 7h30 desta quarta-feira, a Polícia Federal já havia cumprido quatro dos 21 mandados, todos os presos foram encaminhados para a sede da PF. O estado do Maranhão também é alvo da operação.

Os envolvidos devem responder por associação criminosa, estelionato qualificado, falsidade ideológica, uso de documento falso e corrupção passiva e ativa.

Publicidade

Tags: