mulheres vereda grande floriano

Mulheres de Água Branca são presas tentando entrar com drogas no presídio de Floriano

Hospital de Olhos
Publicidade | Somos Notícia

Na penitenciária Vereda Grande, em Floriano, duas mulheres foram presas durante o final de semana após tentarem entrar com drogas em visita aos companheiros que estavam presos por tráfico.

De acordo com o delegado Bruno Ursulino, os parceiros das mulheres haviam encomendado as drogas, e uma delas não teve coragem de introduzir o conteúdo nas partes íntimas.

Ele disse ainda que as duas são do município de Água Branca, e teriam sido identificadas como Sara Beatriz e Jéssica Pereira. A prisão aconteceu no ultimo domingo, por volta das 12h30.

Clique no banner e faça suas apostas | Somos Notícia

”No caso da Jéssica, ela nos afirmou que o marido dela estava devendo dinheiro para uma pessoa que ela não sabe quem é e por isso ela introduziu nas partes íntimas dela tanto maconha como cocaína para ela conseguir ingressar na penitenciária. Já a Sara, o companheiro dela pediu para que ela ingressasse lá na penitenciária com uma porção de crack, só que a Sara disse que não teve coragem de colocar nas partes íntimas o material”, explicou ao G1 o delegado.

Publicidade | Somos Notícia

As duas foram encaminhadas para o Hospital Regional Tibério Nunes, em Floriano, para um Raio-X, o que comprovou a presença de um corpo estranho. Após a retirada, a polícia constatou que se tratava de 40 g de maconha e 10 g de cocaína. A outra mulher, Sara, foi apreendida também com o crack e a maconha.

“Jéssica foi levada para o hospital, lá foi feito o raio-x e constatou-se os objetos dentro dela, que eram droga. A Sara deixou dentro do carro porque ela disse que na hora que desceu do carro faltou coragem para pegar e entrar com ela lá”, completou o delegado.

Sara foi enquadrada por tráfico de drogas pois tinha a intenção de levar os entorpecentes para dentro da penitenciária.

Publicidade | Somos Notícia
Publicidade | Somos Notícia