Menu...

18 de agosto de 2019

Após sete dias do crime, suspeito de matar mototaxista é preso em Teresina


Hospital de Olhos

Publicidade

O homem apontado como suspeito de matar o mototaxista Ariosvaldo Vieira de Sousa, no último dia 16, na Barão de Castelo Branco, na Zona Sul de Teresina, foi preso nessa terça-feira (23), sete dias após o crime.

Ele foi identificado como Denis Henrique Gomes, de 26 anos. Contra ele, havia um mandado de prisão expedido por estar foragido do sistema prisional. A informação é do coordenador do Grupo de Apoio Operacional da Polícia Civil do Piauí, Joatan Gonçalves.

“Ele foi preso por ter esse mandado em aberto, já que o período de flagrante do homicídio já havia passado. Dessa forma, com ele preso, agora a DHPP [Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa] poderá dar seguimento às investigações”, explicou Joatan ao G1/PI.

Publicidade

De acordo com o major Audivan Nunes, que é coordenador da Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública, o suspeito estava sendo escondido pela namorada em sua residência, no bairro Porto Alegre, zona Sul de Teresina.

“A Bruna Lohana Nunes Martins, de 21 anos, estava cuidando do namorado todos esses dias, porque ele ficou ferido no braço direito, inclusive estava junto com o suspeito na UPA de Timon. Quando nosso equipe chegou na casa, ela tinha acabado de deixar o Denis em outro lugar para ele não ser preso”, informou Audivan.

Ela e a mãe há haviam prestado depoimento pela suspeita de ajudarem o suspeito Denis Henrique Gomes após o crime.

Publicidade

Tags: