Reunião trata de PPP do Saneamento Básico para Floriano

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


A ampliação da rede de saneamento básico da cidade de Floriano, no Sul do Piauí, foi discutida, na manhã desta segunda-feira (25), em reunião entre o prefeito Joel Rodrigues, o deputado estadual Francisco Costa e a superintendente de Parcerias e Concessões (Suparc), Viviane Moura. A ideia é avaliar a viabilidade de parceria com a iniciativa privada para implantar a concessão do serviço no município.

ppp SANEAMENTO FLORIANO Reunião trata de PPP do Saneamento Básico para Floriano

A reunião é parte do Programa PPP Piauí Cidades Inteligentes, que vai proporcionar aos prefeitos de cidades do interior do Piauí orientações técnicas para implantação de projetos de parcerias público-privada nos municípios. Além do saneamento básico, os projetos também abrangerão as áreas de conectividade, energias renováveis e iluminação pública.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), apenas 32% da população de Floriano conta com cobertura de saneamento básico. “Com o projeto de concessão, nosso objetivo e traçar estratégias de parceria com o setor privado para que as cidades consigam avançar na prestação desse serviço, que é essencial, e que esteja de acordo com o novo Marco Regulatório do Saneamento, aprovado no ano passado, destaca a superintendente Viviane Moura.

Com a subconcessão do saneamento básico de Teresina, a capital conseguiu universalizar o serviço de abastecimento de água para a população em 2020, mesmo com as dificuldades econômicas e sanitárias impostas pela pandemia de covid-19. Além disso, também houve o avanço de 60% na ampliação da cobertura de rede de esgoto, sendo que a meta é chegar a 90% da população até 2033.

“É uma melhoria substancial do serviço público que não dá para mensurar em números e vai além da economia gerada pelo projeto. São ações que conseguem levar água tratada para áreas recém-regularizadas, por exemplo, e tem o impacto social que foi reconhecido inclusive pela Organização das Nacões Unidas (ONU)”, finaliza Viviane Moura, reforçando a importância dessa troca de informações para a implantação de novos projetos.

Fonte: Governo PI

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist