Press "Enter" to skip to content

Projeto de doação de livros distribui exemplares nas casas dos piauienses

O projeto “Te aquieta e lê” começou a distribuir gratuitamente, nessa quarta-feira (1º), os livros solicitados através da internet por pessoas de várias cidades do Estado. O projeto é uma das ações tomadas pela Secretaria Estadual da Cultura (Secult) durante o isolamento social, solução adotada pelos governos e recomendada pelo Ministério da Saúde, na contenção da Covid-19.

Em Teresina, somente no primeiro dia, já foram entregues 100 livros e outros 50 foram enviados pelos correios para as cidades do interior do Piauí. Os livros são enviados de acordo com a ordem de chegada das solicitações.

“O projeto já é um sucesso, e é algo tão simples, mas tão necessário nesse momento de isolamento. Estamos tendo muitos pedidos e eles não param de chegar. As pessoas também estão se interessando em doar e essa rede de solidariedade só aumenta”, afirma o secretário estadual da Cultura, Fábio Novo.

A pedagoga Bruna Vieira soube da campanha pelas redes sociais da Secult e escolheu um livro da sua área. “Achei muito interessante a ideia de receber o livro em casa. Na lista tem vários títulos, incluindo livros infantis. É uma forma de aproveitar melhor o tempo nessa quarentena” diz.

Com o aumento das doações, já são mais de mil livros disponíveis para distribuição. Os interessados devem acessar a lista disponível no site da Secult (www.cultura.pi.gov.br/editais), escolher até dois livros e mandar os títulos junto com seu endereço de entrega (com um ponto de referência) para o e-mail [email protected] Os livros serão enviados sem nenhum custo.

A lista de livros possui diversos gêneros literários, desde ficção, clássicos da literatura nacional e internacional, autoajuda, contos, entre outros. Além disso, há livros jurídicos, das áreas de psicologia e história, e vários títulos de autores piauienses.

Repórter: Marisa Oliveira

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *