Prêmio Maria da Inglaterra destina R$ 19,1 milhões e contempla mais de 700 iniciativas culturais no Piauí

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


O fazer cultural no Piauí, assim como em todos os locais, foi afetado pela pandemia do novo coronavírus. Diante disso, a Lei Aldir Blanc foi aprovada no Congresso Nacional para amenizar os impactos no setor que atingiu todo o país. A Secretaria de Estado da Cultura (Secult) divulgou, na sexta-feira (27), o resultado final do edital do Prêmio Maria da Inglaterra, que contemplou 712 projetos dos mais diversos segmentos no Piauí.

Um dos premiados foi o Espaço Cultural Luar do Brasil, da cidade de Teresina, que vai receber R$ 200 mil para produzir e apresentar seus espetáculos de artes cênicas relacionados ao folclore nordestino. O objetivo do espaço cultural é promover apresentações de dança, música e encenações tipicamente nordestinas, além da formação em artes cênicas voltadas às manifestações culturais populares.

A proposta de ocupação foi aprovada na Categoria C do edital Prêmio Maria da Inglaterra e prevê realização de apresentações do espetáculo de dança folclórica Sou Nordeste, Sou Luar nos espaços culturais e casas de espetáculos vinculados à Secult.

“Em decorrência da pandemia da Covid-19, o projeto da CIA de Dança Luar do Brasil foi suspenso. Estávamos na fase de pré-produção, quando as atividades foram suspensas. Em nosso cronograma de 2020 iríamos realizar a circulação do espetáculo a partir do mês de agosto deste ano, o que foi frontalmente afetado pela pandemia, causando enormes prejuízos ao projeto. Nossa esperança para 2021 é de levarmos o folclore nordestino de norte a sul do Piauí. A premiação realizada por meio do Edital Maria da Inglaterra possibilitará o retorno gradual das atividades, obedecendo aos protocolos de prevenção à Covid-19, de modo que possamos revitalizar e manter viva nossa cultura popular nordestina”, conta Eduardo Henrique, presidente da Associação Cultural Junina Teresina Show.

WhatsApp Image 2020 12 01 at 14.31.11 Prêmio Maria da Inglaterra destina R$ 19,1 milhões e contempla mais de 700 iniciativas culturais no Piauí

Ao todo, o edital dispõe de R$ 19,1 milhões para as áreas de artes cênicas, audiovisual, literatura, patrimônio, música, entre outros. Dos contemplados, foram 578 na categoria A, 119 na categoria B e 15 premiados na categoria C.

“O edital teve como foco artistas, trabalhadores da cultura, iniciativas e espaços culturais. Fomentar a cultura é incentivar a união e identidade de um povo, e com este edital tivemos oportunidade de ver a amplitude de iniciativas contempladas no Piauí e dos mais diversos segmentos”, afirma o secretário de Estado da Cultura, Carlos Anchieta.

O informativo sobre a execução financeira do prêmio está disponível em: http://www.cultura.pi.gov.br/lei-aldir-blanc/

Fonte: Governo PI

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist