Menu...

21 de setembro de 2019

Menores são resgatadas no PI em operação da PRF contra exploração sexual infantil


Hospital de Olhos

Uma operação de combate à exploração sexual infantil, deflagrada pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Teresina, resgatou nessa sexta-feira (17) duas adolescentes, de 15 e 17 anos.

As menores foram localizadas em bares próximos a estacionamentos de caminhões e encaminhadas para o Conselho Tutelar.

Um dos bares onde estava uma das menores fica em um terreno próximo à rotatória das avenidas dos Expedicionários e Joaquim Nelson, Zona Sudeste de Teresina. A menor que estava nesse estabelecimento tem apenas 15 anos e estava sozinha.

“É uma situação de vulnerabilidade: sozinha, em um bar, em um lugar ermo, escuro, sem nenhuma segurança. Acreditamos que ela possa estar sendo vítima de exploração sexual”, comentou ao G1/PI o inspetor Danilo Teive, da PRF.

Após a apreensão, a menor teria afirmado à polícia que estava fora de casa há uma semana. Ela foi levada para casa de familiares pelo Conselho Tutelar.

Publicidade | Somos Notícia

“Vamos notificar a família para saber o que de fato é verdade. Uma situação de vulnerabilidade muito grande, e a gente sem saber o que de fato ela estava fazendo aqui, se estava esse tempo todo sendo o explorada sexualmente. Hoje é o início dessa investigação”, disse a conselheira tutelar Maria do Carmo Brás.

O segundo resgate aconteceu no posto fiscal da BR-343, da Zona Sul de Teresina. A jovem tem 17 anos e foi encontrada sozinha entre os caminhões que estavam estacionados no local, próximo a um bar.

A operação da Polícia Rodoviária Federal foi realizada entre a noite de sexta e madrugada deste sábado (18), data marcada pelo dia nacional de combate à exploração sexual de crianças e adolescentes.

De acordo com informações, a operação teinha como alvo os pontos de passagem de caminhoneiros e de viajantes nas proximidades das rodovias BR-316 e BR-343.

“Infelizmente alguns caminhoneiros não tem consciência de que não podem explorar menores, que a exploração sexual infantil é um crime, e essas adolescentes acabam encontrando nesses locais um ponto para ganhar dinheiro”, explicou o inspetor.

Publicidade | Somos Notícia
Publicidade | Somos Notícia

Tags: