Menu...

20 de agosto de 2019

Médicos do Piauí paralisam atividades pela quarta vez desde maio


Hospital de Olhos

Publicidade

Os médicos da rede estadual de Saúde iniciam uma nova paralisação dos atendimentos nesta terça-feira (16). Eles deverão cruzar os braços durante quatro dias em todo o Piauí.

Os atendimentos que serão mantidos adequadamente são de urgência e emergência, ficando suspensos serviços eletivos como consultas.

A categoria para suas atividades pela quarta vez desde maio de 2019. A decisão foi tomada em assembleia realizada na última quinta-feira (11). De acordo com informações, somente 30% dos profissionais da rede estadual vão continuar em serviço.

Publicidade

Os atendimentos que estavam marcados para os dias 16, 17, 18 e 19 de julho foram reagendados para os dias 27, 28, 29 e 30 de agosto – respectivamente, mais de 40 dias de espera.

Na pauta de reivindicações estão melhorias nas condições de trabalho, o cumprimento do plano de cargos e salários dos profissionais da saúde, incluindo o aumento do piso salarial.

O superintendente de Atenção Integral à Saúde da Sesapi, Herlon Guimarães, assegura que a Secretaria de Estado da Saúde é sensível à situação.

“Com certeza, a Secretaria de Saúde é sensível a essa situação e vai chamar seus gestores. As negociações continuam para que possamos chegar a um denominador comum”, disse ele em entrevista à TV Clube.

Publicidade

Tags: