Menu...

18 de junho de 2019

Equatorial Energia e TJ-PI criam oportunidades para negociação de débitos


Hospital de Olhos

Publicidade

Os clientes da Cepisa vão poder negociar seus débitos entre os dias 20 e 24 de maio, das 8h às 12h e das 14h às 16h, durante o 1º Balcão de Negociação.

A iniciativa, que aconteceu a pedido da concessionária, é resultado de uma parceria entre a Companhia Energética e o Poder Judiciário, por meio do Núcleo Permanente de Soluções de Conflitos (Nupemec) e dos Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc).

O objetivo da Companhia Energética “é solucionar, de forma justa para todos, as ações judiciais em que a Distribuidora consta como parte, reforçando o perfil conciliatório e a dedicação ao cliente, valores fundamentais do Grupo Equatorial Energia”.

A autoridade judiciária irá atuar como auxiliadora para que os clientes em conflito cheguem em um entendimento. De acordo com a organização do encontro, deverão ser feitos 547 acordos desta natureza.

Publicidade

Os consumidores partes nesses processos, segundo a empresa, já foram notificados por meio do Diário da Justiça e de cartas convites que foram enviadas às suas residências. “É uma oportunidade de encerrar os processos com condições flexíveis de negociação, reduzindo custos e reequilibrando a relação cliente-empresa”, afirma Fabianni Serra, Executiva Jurídica da Equatorial Energia- Cepisa.

A empresa comunica ainda que, caso alguém tenha questões na Justiça com a Equatorial Energia – Cepisa e não tenha tomado conhecimento do mutirão, deve procurar o Cejusc e verificar se o processo está na programação. Caso contrário, informa a empresa, “é aguardar a realização do próximo balcão de negociação. “Nossa parceria com o Nupemec e os Cejusc de 1º e 2º graus deve ser recorrente, e é nossa intenção que outros mutirões como esse aconteçam periodicamente”, conclui Fabianni.

Publicidade

Tags: