Confira meditações para ativar os chakras

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


source

João Bidu

undefined
Redao Joo Bidu

Confira meditaes para ativar os chakras

A meditação é uma prática que envolve a conexão com o momento presente e, consequentemente, leva a um ritmo interno mais calmo. Isso pode ser conseguido por meio da respiração. Com ela, é possível ativar os Chakras. Durante a técnica, a inspiração e a expiração devem ser ritmadas, e, assim, a frequência do cérebro é desacelerada, causando sensação de tranquilidade.

A divisão de níveis de consciência do cérebro é feita em quatro: Alfa (o estado de relaxamento profundo), Beta, Theta e Delta. O resultado do nível Alfa é o obtido na meditação e também pode ser alcançado durante uma oração ou em momentos de contemplação.

+Inscreva-se no Clube João Bidu e receba conteúdo exclusivo! Basta baixar o app do Telegram no seu celular e entrar neste Link !

Os Chakras 

Uma das questões mais interessantes durante a meditação é que os centros de desprendimento e captação de energias, chamados de chakras, são estimulados. Além de atuarem no equilíbrio emocional, eles fazem ligação com glândulas e órgãos, portanto, quando um deles não está com boa energia, o corpo reage com diversos distúrbios. Harmonizá-los pode ser o primeiro passo para uma vida feliz e tranquila. Por isso, é preciso cuidar desse sistema energético, que pode sofrer influência tanto de algo interno quanto externo. Estados emocionais variados, assim como o consumo de certos alimentos ou a prática de atividades físicas são grandes influências. Como somos um todo, com aspectos emocionais, energéticos, espirituais, físicos e mentais, qualquer situação que afete uma dessas características irá influenciar as outras.

Buscando harmonia

A primeira coisa a fazer é se livrar de sentimentos negativos e buscar o equilíbrio emocional. Faz-se necessário viver um ritmo mais humano e conectado com a natureza; focado na felicidade e não na frustração de nem sempre satisfazer as expectativas, tanto próprias quanto as impostas pelos outros.

Começando…

O primeiro passo para equilibrar suas energias é tentar buscar a tranquilidade emocional, se livrando de sentimentos e de pensamentos negativos. Para isso, pequenas ações que podem ajudar são: cuidar do corpo, se alimentar de forma saudável, fazer exercícios, entrar em contato com a natureza, reservar momentos com familiares e amigos e ajudar o próximo.

Aprenda a ativar o Chakras 

Para praticar a ativação dos chakras por meio da meditação, veja abaixo um exemplo de exercício para fazer em casa, que libera o estresse, oxigena o cérebro e tira a pessoa do estado de ansiedade.

  1.  Sente-se confortavelmente com as costas eretas e apoiadas;
  2. Sinta seu corpo, sua respiração;
  3. Vá relaxando cada parte do corpo, aprofundando a respiração;
  4. Tente exalar bastante ar;
  5. Quando expirar, diga “oooooommmmmw aaaaaaahhhhh uuuuuummmmm”;
  6. Emende um som no outro, fazendo vibrar o peito, a garganta e a caixa craniana;
  7. Depois de dez minutos, pare e deixe a respiração voltar ao normal;
  8. Observe seu corpo novamente e o compare com o estado que estava inicialmente.

Chakra coronário

Está no topo da cabeça e conduz o cérebro. Ele é ligado à glândula pineal, que, entre suas funções, regula os ciclos vitais, especialmente do sono. Sua ativação tem relação com a saúde do organismo como um todo, assim como a memória e o raciocínio, além de proporcionar relaxamento e eliminar ou diminuir os medos. Cor: violeta. Como ativar: praticar meditação e yoga. Problemas relacionados: cerebrais, de aprendizagem e psicopatias.

Chakra frontal

Fica na testa, entre as sobrancelhas. Também é conhecido como terceiro olho e é vinculado à glândula pituitária ou hipófise, além de ter a função de secretar diversos hormônios. Está relacionado à concentração, à capacidade de raciocínio e à clareza de pensamentos. Quando ativado, aumenta a sabedoria, a intuição e favorece o relaxamento. Cor: azul-anil. Como ativar: com a mentalização de cores e símbolos. Problemas relacionados: de aprendizado, discernimento, psicopatias, e, em algumas áreas do cérebro, pode provocar dores de cabeça e problemas de visão.

Chakra laríngeo

Localizado na região da garganta e tem conexão à glândula tireoide, produtora dos hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina), responsáveis por diversas funções de órgãos importantes, como coração e fígado. Este chakra está ligado à comunicação, à intuição, à criatividade e à saúde dessa área e dos ombros. Quando é ativado, aumenta a generosidade. Para isso, é preciso demonstrar o que pensa e sente, e não fazer coisas que não queira. Cor: azul-celeste. Como ativar: por meio do canto. Problemas relacionados: de fala, tireoide, respiratórios, mandíbula.

Chakra cardíaco

Fica no centro do peito, próximo ao coração, e está ligado à glândula timo, que funciona como uma “memória de doenças”. Por exemplo, quando você pega catapora, os anticorpos contra a doença ficam localizados no timo. Esse chakra faz a ligação entre os três primeiros pontos de energia e os três últimos. Essa união fortalece a autoestima, o poder de percepção e traz paz interior. Se ela não é alcançada, podem surgir medos, além de problemas cardíacos e respiratórios. Cor: verde. Como ativar: praticar meditação e exercícios respiratórios. Problemas relacionados: no coração (emoções contidas).

Chakra do plexo solar

Fica acima do umbigo, na região do estômago e é vinculado ao baço e pâncreas. Está relacionado a problemas digestivos e ao autoritarismo, assim como ao carisma e à influência sobre as pessoas com quem convive. Cor: amarelo-ouro. Como ativar: com a flexão na coluna. Problemas relacionados: digestivos.

Chakra do sacro

Está localizado no baixo ventre. Nas mulheres, está relacionado aos ovários e, nos homens, às gônadas. É ainda responsável pelo desejo sexual: quando está bloqueado, pode causar impotência; se está hiperativo, pode despertar desejo sexual em excesso. Cor: laranja. Como ativar: por meio de atividades aquáticas e danças sensuais. Problemas relacionados: no aparelho reprodutor, rins e bexiga. Pode acarretar a diminuição do desejo sexual e da criatividade.

Chakra básico

Localiza-se entre o ânus e os órgãos genitais, perto da região do cóccix, mais precisamente no períneo. É ligado à glândula suprarrenal, que tem, entre suas funções, a de regular as reações do corpo ao estresse. Este chakra absorve energia da terra e está ligado à vitalidade sexual, além da maneira como cada um conduz sua vida financeira, aos cuidados com o corpo e aos medos da pessoa. Cor: vermelho. Como ativar: pratique caminhadas sem sapato e dança. Problemas relacionados: pouca vitalidade física, excesso ou falta de sono e agitação.

LEIA TAMBÉM:

Fonte: IG Mulher

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist