idosa acusada de estelionato em Imperatriz

Polícia Civil cumpre mandado de prisão em Imperatriz contra idosa acusada de estelionato

Hospital de Olhos
Publicidade | Somos Notícia

Em Imperatriz uma idosa identificada como Eleusa Gomes da Silva foi presa nessa sexta-feira (13) suspeita de estelionato e uso de documentos falsos.

Contra ela havia em aberto um mandado de prisão preventiva, que foi cumprido pela Polícia Civil na casa onde reside a idosa.

Ela foi encaminhada para o Plantão Central da Polícia Civil, onde Eleusa Gomes tomou conhecimento do mandado que havia sido expedido em seu desfavor.

Clique no banner e faça suas apostas | Somos Notícia

Com uma identidade falsa, a idosa conseguiu empréstimos com descontos no benefício da vítima.

A idosa teria ainda conseguido abrir uma conta bancária com a mesma identidade falsa para onde eram direcionados os depósitos dos empréstimos. A conta já teve movimentação de aproximadamente R$ 100 mil, entre saques e transferências para outras contas.

Publicidade | Somos Notícia

A polícia investiga a participação de outras pessoas, supostamente, envolvidas no crime. Ainda, segundo a polícia, o golpe revela certo grau de sofisticação. Ela suspeita da participação de outra pessoa como intelectual do crime, considerando outros registros de ocorrências por bancos e clientes prejudicados.

De acordo com o site Imirante, a polícia informou que, além da falsificação de documentos e abertura de contas para a efetivação dos crimes, eram usadas linhas telefônicas igualmente em nome de terceiros não envolvidos no crimes. O objetivo era a movimentação das contas através de aplicativos dos bancos instalados em seus celulares.

A Polícia Civil segue com a investigação no intuito de identificar outros envolvidos. Outros casos já estão sendo apurados pela polícia.

Publicidade | Somos Notícia
Publicidade | Somos Notícia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *