descarrilhamento

No sul da Índia, descarrilhamento de trem deixa pelo menos 32 mortos e 50 feridos

Hospital de Olhos
Publicidade | Somos Notícia

Um descarrilhamento de trem na noite deste sábado (21) deixou 32 pessoas mortas no sul da Índia. Ao todo, sete vagões de passageiros saíram dos trilhos. 50 ocupantes ficaram feridos.

Muitas pessoas ficaram presas aos destroços do trem, prolongando o trabalho de resgate até a madrugada deste domingo.

A tragédia aconteceu a 30 km de Raigarh, que fica no leste do país. A agência Reuters, aponta possível falha técnica como causa do descarrilhamento, mas a investigação está em curso.

Clique no banner e faça suas apostas | Somos Notícia
Publicidade | Somos Notícia

Descarrilhamento e insegurança

Outra ocorrência do tipo em novembro do ano passado foi considerada a mais mortal dos últimos cinco anos, 146 pessoas morreram. Outro acidente, ocorrido em Baghmati, que fica no norte da Índia, deixou 800 mortos no ano de 1981.

Em 2016, o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, assegurou um investimento de 137 bilhões para os próximos cinco anos. Segundo ele, o objetivo é modernizar a rede ferroviária do país.

Na Índia, 23 milhões de passageiros usam trens por dia, o que representa o terceiro maior sistema de transporte por trens do mundo. Estudos apontam que faltam manutenção e tecnologia, pois em muitos locais a sinalização ainda é feita manualmente.

Publicidade | Somos Notícia
Publicidade | Somos Notícia