Menu...

21 de setembro de 2019

Mãe emocionada grava vídeo e faz apelo ao presidente da República após suspensão do benefício do filho especial


Hospital de Olhos

Uma mãe que se identificou apenas como Isabel faz um lamento em um vídeo após suspensão do Benefício de Prestação Continuada (BPC) do filho chamado de Israel, de 19 anos.

Sem data e informações de que lugar do Brasil foi registrado o caso, o vídeo mostra as limitações do jovem e o triste apelo da mãe para que o vídeo chegue ao presidente da República, Jair Bolsonaro.

Isabel diz que o BPC foi cortado sob o argumento de que o seu salário de agente comunitária de Saúde é o suficiente para a família.

“Eu sou mãe de Israel, funcionária pública e agente comunitária de Saúde. O benefício do meu filho foi suspenso porque, segundo o INSS, com essa nova Lei o meu filho não tem direito a receber o benefício porque eu trabalho. O meu salário, segundo eles, dá para manter as crianças”, diz Isabel, com lamento.

Publicidade | Somos Notícia

Israel não anda, não fala, usa fraldas e foi submetido a uma craniotomia (abertura cirúrgica do crânio realizada com o objetivo de se chegar ao encéfalo).

O zelo da mãe nos cuidados, apesar das limitações do filho, fortalecem o apelo que ela faz para que o benefício do filho seja regularizado.

“Só Deus pra nos ajudar, mas eu espero que você venha fazer alguma coisa em favor dessas pessoas indefesas e incapazes que precisam de alguém como o senhor que venha mudar a lei”, finaliza referindo-se ao presidente da República.

Publicidade | Somos Notícia
Publicidade | Somos Notícia