Ronaldo defende entrada de clubes de México e EUA na Copa Libertadores

WhatsApp
Twitter
Telegram
Facebook


O ex-atacante Ronaldo Nazário, campeão mundial com a seleção brasileira em 1994 e 2002, deseja o retorno dos clubes mexicanos e a participação dos times norte-americanos na Copa Libertadores para aumentar a competitividade do torneio.ebc Ronaldo defende entrada de clubes de México e EUA na Copa Libertadoresebc Ronaldo defende entrada de clubes de México e EUA na Copa Libertadores

O México deixou a Copa Libertadores em 2016 devido a um problema de calendário entre a Conmebol e as competições locais da Concacaf. Já os clubes da Major League Soccer (MLS) dos Estados Unidos nunca participaram do torneio da Conmebol.

“Adoraria ver os clubes mexicanos e norte-americanos, seria um passo importante para a Libertadores ter esses dois países”, disse Ronaldo em videoconferência na sexta-feira (29). “Por exemplo, um time brasileiro que viaja para enfrentar um mexicano ou norte-americano agrega muito valor à competição”, acrescentou.

Clubes mexicanos disputaram a Libertadores como convidados desde 1998, época em que Cruz Azul, Guadalajara e Tigres da Universidade Autônoma de Nuevo León (UANL) chegaram à final, mas caíram diante de Boca Juniors, Internacional e River Plate em 2001, 2010 e 2015, respectivamente.

O artilheiro da Copa do Mundo de 2002 e três vezes eleito o melhor jogador do mundo pela Fifa realizou a videoconferência do Brasil em um evento promocional como embaixador da Copa Libertadores.

A final será disputada neste sábado (30) entre Santos e Palmeiras no estádio do Maracanã.

“É um clássico paulista e não vejo favorito nesta final única, não vou arriscar”, disse Ronaldo.

Receba nosso conteúdo

Related Posts

Welcome Back!

Login to your account below

Create New Account!

Fill the forms below to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

Add New Playlist